caras-recomenda Elsa Schiaparelli

Elsa Schiaparelli: a estilista que criou o rosa-choque e transformou o mundo da moda

Considerada a “mãe do rosa”, Elsa Schiaparelli revolucionou o cenário fashion com criações ousadas e inovadoras

CARAS Digital Publicado segunda 27 julho, 2020

Considerada a “mãe do rosa”, Elsa Schiaparelli revolucionou o cenário fashion com criações ousadas e inovadoras
Elsa Schiaparelli: a estilista que criou o rosa-choque - Reprodução/Amazon

Se você adora o mundo da moda, provavelmente já ouviu falar na Elsa Schiaparelli! Considerada a “mãe do rosa”, a estilista italiana revolucionou todo o cenário fashion dos anos 30 por unir moda e arte em suas ideias. Seu impacto para a história da moda foi tão grande que suas criações, sempre ousadas e visionárias, trouxeram valores que são admirados até os dias atuais. 
Elsa Schiaparelli nasceu em 10 de setembro de 1890, em Roma, na Itália. De origem nobre, sua família era formada por diversos intelectuais da época. Seu pai era decano na Universidade de Roma, e seu tio, Giovanni Schiaparelli, era um astrônomo de sucesso. 
Elsa estudou filosofia na Universidade de Roma e, neste mesmo período, publicou um livro de poesia erótica que chocou sua família conservadora. Foi enviada para um convento até que se declarou em greve de fome. Aos 22 anos, se mudou para Londres e lá, teve duas grandes experiências: se apaixonou por William de Wendt e teve sua primeira oportunidade no mundo da moda ao ser convidada a um baile em Paris. 
Willian era um charlatão que alegava ter poderes psíquicos e se apresentava com o nome Wilhem de Kerlor. Em 1914, casaram-se e mudaram-se para os Estados Unidos, vivendo seus primeiros anos de casados nas cidades de Boston e Nova York. No entanto, quando Elsa engravidou, Kelor a abandonou. Com medo de que o marido exigisse a guarda a filha - apelidada de Gogo -, Schiaparelli mudou-se para a França, em 1920. 
Em Paris, ela pode contar com o apoio da amiga Gabrielle Buffet-Picabia, esposa do artista francês surrealista Francis Picabia. Gabrielle a apresentou a diversos artistas renomados da época, como Man Ray, Marcel Duchamp, Aldred Stieglitze e Edward Steichen. Em 1924, Elsa e Wilhem se separaram legalmente e, em 1928, ele foi assassinado no México. 
Apesar de levar uma vida confortável na cidade e receber ajuda financeira da mãe, Elsa desejava ser independente. Começou a trabalhar com Man Ray em sua revista intitulada Société Anonyme, de temática dadaísta. O emprego não durou muito, então Elsa decidiu abrir o seu próprio negócio para fazer aquilo que realmente amava: moda! 
Na época, Paul Poiret, um dos principais estilistas franceses, criava coleções revolucionárias de alta costura para a mulher moderna. Ele ensinou diversas técnicas de confecção de modelos e construção de roupas para Elsa. Com todo o conhecimento adquirido, ela criou o seu próprio estilo e, em 1927, fez sua primeira coleção de roupas que contavam com imagens surrealistas. No ano seguinte, abriu uma loja chamada Pour le Sport. Sua própria Maison, viria a ser lançada um ano depois, em 1929.
Com muita criatividade e talento, as criações de Elsa eram ousadas e modernas. Em 1931, a tenista espanhola Lilí de Álvarez chocou o mundo ao usar shorts feito pela estilista para competir no torneio de Wimbledon - afinal, a peça era proibida para mulheres na época. Durante a Lei Seca, na década de 30, era proibido a venda de álcool nos Estados Unidos, então Elsa ousou mais uma vez e criou um vestido que tinha bolso secreto para esconder frascos de bebida. Já em 1933, introduziu a chamada “manga pagode”, influenciada pela moda egípcia.
A maison de Elsa Schiaparelli não parou de crescer e a estilista continuou inovando. Lançou broches fosforescentes, botões semelhantes a pesos, cadeados nos casacos, tecidos com estampas de jornal com os quais fazia lenços, bordava em suas roupas signos do zodíaco e muito mais. Porém, sua criação de maior sucesso foi o famoso “rosa-choque”. Elsa conseguiu criar um tom de rosa tão intenso e dramático que o batizou de "shocking". A cor foi usada em diversas criações da estilista e se tornou um marco no mundo da moda. Em 1938, Elsa lançou um perfume com o mesmo nome. O frasco tinha o formato do corpo da famosa atriz de cinema Mae West, que personificava a ousadia do estilo Schiap.
Passou então a ser considerada a mãe do rosa e, anos depois, sua cor preferida virou o “Pink Schiaparelli” no mundo fashion. Elsa também conquistou o universo cinematográfico e criou diversos figurinos para filmes de sucesso. Ao todo, trabalhou para 29 longas, incluindo a produção hollywoodiana “A Vida é Uma Festa” (1937) e o clássico francês “As Damas do Bois de Boulogne” (1945). 
Após o fim da Segunda Guerra Mundial, Christian Dior criou o estilo “New Look”, que mudou completamente o mundo da moda. Schiaparelli encontrou grandes dificuldades no novo cenário e acabou se endividando. Elsa realizou seu último desfile em 1954 e encerrou as atividades. A estilista faleceu aos 83 anos em Paris, no dia 13 de novembro de 1973. 
Elsa Schiaparelli causou grandes impactos sociais. Ao unir arte e moda, quebrou padrões e ofereceu às mulheres uma nova opção de se vestir, com mais liberdade e autenticidade. Suas ideias foram as responsáveis por abrirem espaço para que diversas gerações pudessem se vestir do jeito que queriam, para elas mesmas, e não para agradar à sociedade rígida e conservadora da época. 

Se você se interessou pela história da estilista italiana, vai amar a lista que preparamos! Selecionamos 6 itens com a cor favorita de Elsa e até mesmo livros incríveis para saber mais detalhes da vida de Schiaparelli. Dá uma olhada: 

1. Vogue Elsa Schiaparelli 

2. Câmera Instantânea Instax Mini 9, Fujifilm

3. Esmalte New Top Beauty, Rosa Choque 

4. Batom Mate 19, Koloss

5. Esponja Mini Elétrica Para Limpeza Facial Pink

6. Hot Pink: The Life and Fashions of Elsa Schiaparelli 

Vale lembrar que os preços e a quantidade disponível dos produtos condizem com o site da Amazon. Além disso, assinantes Amazon Prime recebem os produtos com mais rapidez e frete grátis, e a CARAS Digital pode ganhar uma parcela das vendas ou outro tipo de compensação pelos links nesta página.

Aproveite Frete GRÁTIS, rápido e ilimitado com Amazon Prime: https://amzn.to/2T89Q6h

Amazon Music Unlimited – Experimente 30 dias grátis: https://amzn.to/3a7SfBw

Último acesso: 03 Aug 2020 - 21:02:06 (358455).