Revista CARAS
Facebook Revista CARASTwitter Revista CARASInstagram Revista CARASYoutube Revista CARASTiktok Revista CARASSpotify Revista CARAS

71ª edição do Globo de Ouro prestigia os melhores da televisão e do cinema

Noite contou com a presença de famosos como Meryl Streep, Robert Redford, de Diane Keaton, Leonardo Di Caprio, banda U2 e Michael Douglas

CARAS Publicado em 17/01/2014, às 10h20 - Atualizado em 10/05/2019, às 11h20

71ª edição do Globo de Ouro - Danny Moloshok E Mario Anzuoni / Reuters
71ª edição do Globo de Ouro - Danny Moloshok E Mario Anzuoni / Reuters

Há tempos Hollywood não tinha uma noite tão estrelada, capaz de tirar o fôlego dos jornalistas  que trabalhavam na cobertura do evento, dos cerca de 20 milhões de telespectadores no mundo que assistiam nos papéis de ídolos e fãs. A cerimônia de entrega do 71º Globo de Ouro contou com todos os elementos clássicos do cinema e da televisão — humor, glamour, surpresas, lágrimas, prêmios para os melhores —, mas, definitivamente, ficará marcada pela grandiosidade de seus convidados. De Meryl Streep (64) a Robert Redford (77), de Diane Keaton (68) a Leonardo Di Caprio (39),  dos integrantes da banda U2 a Michael Douglas (69), a lista parecia não ter fim.

Imagine, então, a empolgação dos fashionistas quando as primeiras celebridades chegaram ao tapete vermelho do Beverly Hilton Hotel, em L.A.,  por volta das 15h, horário local. Não demorou para que algumas das tendências recorrentes nas passarelas fossem desfiladas por lá. Entre as beldades que investiram no preto, aplausos a Cate Blanchett (44), com modelito rendado; Uma Thurman (43), de ombros de fora; e Camila Alves (31), irretocável com um longo  recoberto de paetês.

A brasileira permaneceu o tempo todo abraçada ao marido, Matthew McConaughey (44), laureado como Melhor Ator de Drama, por Clube de Compras Dallas. Perguntada sobre o estilo do casal, Camila instigou: “Ele escolhe o terno primeiro, só depois é que posso escolher o que vou usar.” O galã deu risada, festejou as ótimas críticas recebidas com a performance no filme e terminou o papo com a apresentadora do canal E! Entertainment com uma declaração à amada. “Ver esse rosto  ao meu lado é uma maneira espetacular de começar todas as manhãs”, suspirou o apaixonado Matthew.

Em geral, as mulheres norte america nas não são muito adeptas do branco no inverno, mas parece  que Jennifer Lawrence (23) adora quebrar regras. Seu tomara que caia branco com faixas fi nas pretas virou a sensação na internet, com fãs imitando o modelito à sua maneira e fazendo o nome da atriz bombar entre os tópicos mais relevantes do Twitter. A escolha fashion foi questionável, mas a consagração da loira como Melhor Atriz Coadjuvante por Trapaça foi unânime. “Tenho amigos e família maravilhosos e estou sempre trabalhando, não tenho tempo para me envolver em problemas”, afirmou Jennifer, sobre a sua postura realista, apesar do recente e retumbante sucesso na carreira.

Julia Roberts (46) e Hayden Panettiere (24) também optaram pelo branco e preto. “Acho que experimentei uns quatro ou cinco vestidos, eram todos lindos, mas este tinha algo que eu estava procurando”, contou Julia, que circulou com um tomara que caia estilo sereia sobre camisa e dividiu opinões. Já a australiana Margot Robbie (23), do elenco de O Lobo de Wall Street, preferiu investir na combinação fenda e decote — mais reveladora, mas, curiosamente, uma aposta mais segura para quem quer estrear com estilo neste tão concorrido e poderoso red carpet.

Emma Watson (23) e as indicadas na categoria de Melhor Atriz de Comédia ou Musical Julie Delpy (44), de Antes da Meia-Noite, Julia Louis-Dreyfus (53), de À Procura do Amor, e Amy Adams (39), de Trapaça, vestiam longos de silhuetas diferentes, mas quase no mesmo tom de vermelho. “Como a temporada de eventos acontece logo após as festas, fica mais difícil entrar em forma. Confesso que depois do dia 26 de dezembro cortei muita coisa”, avaliou Julia, que concorria como Melhor Atriz de Série de Comédia, por Veep.

Amy, que no filme do diretor David Russell (55) usou mais de 30 figurinos, entregou dois segredinhos infalíveis. “Acabamos usando bem menos fita adesiva nas roupas, acho que uma boa postura faz toda a diferença. Ter colegas de elenco bacanas que avisam se alguma coisa está aparecendo demais também é importante”, comentou ela, que acabou derrotando as concorrentes. “Fiquei tão nervosa, só pensava: ‘Não caia, não tropece!’. Parecia a voz da minha mãe repetindo na minha cabeça”, acrescentou.

Impagável, a comediante Tina Fey (43) dividiu o comando da cerimônia com Amy Poehler (42) pelo segundo ano consecutivo. Conhecida pelo humor afiado e inteligente, a ex-integrante do programa Saturday Night Live ganhou a plateia estrelada já nos primeiros minutos ao ironizar astros e filmes, mas acabou alvejada por fashionistas por conta do vestido que escolheu para a festa. Segundo eles, a estampa floral sobre o fundo preto era parecida demais com a de Kat Dennings (27) no People’s Choice Awards, dias antes. Em tempo: ela trocou o look logo depois.

Sarah Paulson (39), do filme 12 Anos de Escravidão, e Michelle Dockery (32), Anna Gunn (45), Robin Wright (47) e Kate Mara (30), atrizes das séries Downton Abbey, Breaking Bad e House of Cards, eram as mais elegantes em looks perolados e metalizados. A australiana Naomi Watts (45) arrasou com vestido “recortado” ao circular com o marido, Liev Schreiber (46), indicado na categoria de Melhor Ator em Série de Drama por Ray Donovan, e ao anunciar os prêmios de Melhor Filme para TV para Behind the Candelabra e Melhor Atriz em Filme para TV para Elizabeth Moss (31), por Top of the Lake. Muitos davam como certa a consagração de Sandra Bullock (49) como Melhor Atriz por Gravidade, mas a estrela parece ter acordado no domingo com o pé esquerdo: perdeu para Cate Blanchett e causou estranhamento com o longo preto, rosa e azul de apelo excessivamente folk. Reese Witherspoon (37) foi outra que deslizou. Seu vestido azul-petróleo fazia a mesma linha minimalista do look de Jennifer Lawrence no Oscar de 2011, mas a simplicidade que coroou a novata no passado “derrubou” Reese desta vez.

Em uma noite em que cintas ou shorts de compressão são itens praticamente fundamentais na composição do vestuário feminino, Drew Barrymore (38) mostrava - se especialmente radiante ao desfilar a proeminente barriguinha. “Esse vestido tem corações, flores e é rosa, tudo o que mais adoro. Achei perfeito. É confortável e fácil de usar, algo essencial para uma grávida. Ainda estou de salto, mas não sei mais por quanto tempo”, brincou Drew, que já é mãe de Olive (1 ano e 3 meses) e terá mais uma menina com o consultor de arte Will Kopelman (35). “A segunda gravidez é mais fácil, você já sabe o que esperar, mas tenho uma criança pequena; fico mais cansada. Mas este é um milagre tão maravilhoso que é louco quem reclama”, acrescentou.

Mães de primeira viagem, Kerry Washington (36) e Olivia Wilde (29) também não continham a excitação. “Estou com a melhor companhia da festa, o melhor acessório”, disparou Kerry, da série Scandal. “Até semana passada, só parecia gorda, queria parecer grávida”, riu Olivia. “O bebê chutou a noite toda, acho que quer saber onde estamos”, emendou a noiva do comediante Jason Sudeikis (38), que deve dar à luz um menino em maio.