Revista CARAS
Busca
Facebook Revista CARASTwitter Revista CARASInstagram Revista CARASYoutube Revista CARASTiktok Revista CARASSpotify Revista CARAS
Atualidades / MUDANÇAS

Mayara Magri e Aldine Muller entregam mudanças após os 60 anos: 'Dá tempo de ser feliz'

Em entrevista ao Mais Novela, Mayara Magri e Aldine Muller refletiram sobre novo projeto destinado ao público com mais de 60 anos

Mayara Magri e Aldine Muller estrearam o programa Mayara e Aldine 60+ - Reprodução/YouTube
Mayara Magri e Aldine Muller estrearam o programa Mayara e Aldine 60+ - Reprodução/YouTube

Mayara Magri (61) e Aldine Muller (69), que contruíram uma longa carreira na atuação, estrearam o programa Mayara e Aldine 60+, que vai ao ar no YouTube todos os domingos. Em entrevista ao Mais Novela, as atrizes refletiram sobre o novo projeto e entregaram mudanças após os 60 anos: "Dá tempo de ser feliz".

"A gente quer falar mais para mulheres e também homens com mais de 60. A diferença de 50 e 60 já é grande. Estou com 61 e percebi muita diferença. Com 50 você ainda está [animada], nos 60 já começa a mudar. Então a gente falou com uma médica, uma ginecologista, um doutor, dando dicas para as mulheres de coisas que as pessoas normalmente não falam porque tem vergonha", compartilhou Mayara Magri sobre o programa, que também conta com celebridades como Fúlvio Stefanini (83) de convidados.

"A gente quer falar que dá tempo de ser feliz ainda. Tem os dois lados, mas a gente quer mostrar que ainda é possível - se você vai chegar em uma longevidade, até os 90 - chegar bem. [...] Você não pode ser uma pessoa que vai dar trabalho para os outros. O ideal é que você se ame e se cuide. Se você se cuidar, você chega bem lá", acrescentou Aldine Muller

Leia também: 'Claudinho e Buchecha ousaram sonhar em uma sociedade racista', declara Nando Cunha

Mayara Magri ainda comentou sobre o público alvo do programa: "É bom para a gente e para as mulheres que passam dos 60 e estão em casa, que tem filhos que saíram de casa ou estão se desligando, e que ficam sozinhas". A atriz ainda completou com um conselho e uma reflexão para levar com o envelhecimento: "Tem que mexer com a cabeça e com o corpo. Tem que ter sempre uma coisa positiva, por mais difícil que seja. Ninguém fala 'como é bom', 'como é bonito', 'como é gostoso'".