Revista CARAS
Busca
Facebook Revista CARASTwitter Revista CARASInstagram Revista CARASYoutube Revista CARASTiktok Revista CARASSpotify Revista CARAS
Atualidades / Romance

Namorada de Kenya Sade: Conheça o amor da estrela do The Masked Singer

Assumindo as reportagens da quarta temporada do "The Masked Singer Brasil", Kenya Sade vive romance com pintora e diretora de arte

Kenya Sade - Foto: Reprodução / Instagram
Kenya Sade - Foto: Reprodução / Instagram

No dia 21 de janeiro de 2024, o The Masked Singer Brasil estreou sua quarta temporada com muitas novidades! Com um cenário 360º graus e um novo e divertido time de participantes, o programa comandado por Ivete Sangalo foi marcado por outra estreia importante: Kenya Sade. A jornalista assumiu as reportagens e a interação com público nos bastidores, trabalho antes feito por Priscilla Alcântara.

Sendo um sucesso no jornalismo, Kenya é reconhecida como uma das melhores críticas de música do país. Ela ficou famosa ao transmitir diferentes festivais de música em 2023, como "Lollapalloza" - transmitido pelo Globoplay e pelo Multishow - e também por ser repórter do "Circuito Sertanejo".

Chefe de programação da Trace Brasil, canal da Globo que celebra o conteúdo afro, a nova repórter do The Masked Singer Brasil  apresenta ainda o "Tô na Trace", podcast voltado para a cultura afrourbana. Há dois anos, a jornalista foi contratada pelo Multishow e esteve à frente das transmissões do Rock in Rio.

Já na vida pessoal, em 2019 iniciou um relacionamento com a pintora e diretora de arte Thamyres Donadio. As duas vivem um namoro discreto na web e sempre trocam elogios em postagens. "A mulher mais linda anda comigo", escreveu a artista em uma foto com Kenya no elevador.

Quando questionada pela UOL sobre quando se conheceram, Kenya abriu maiores detalhes sobre a relação. "Eu estava desacreditada do amor, mas quando vi a Thamyres quis saber no que ia dar. Nosso primeiro encontro foi em um bar. Conversamos por quatro horas. Não nos desgrudamos mais. Moramos juntas há dois anos e nos chamamos por "esposa". Nunca tinha tido uma relação longeva", afirmou.

Ainda na mesma entrevista, a jornalista contou sobre como foi falar de sua sexualidade para a família. "Desde os 15 anos, sempre fui assumidamente lésbica para minha família. Quando falei para minha mãe, ela já sabia e falou que estava tudo bem. Ela só tinha medo da homofobia, ainda mais porque sou uma mulher negra. Então ia sofrer em dobro.".

Receba o melhor do nosso conteúdo em seu e-mail

Cadastre-se, é grátis!