CARAS Brasil
Busca
Facebook CARAS BrasilTwitter CARAS BrasilInstagram CARAS BrasilYoutube CARAS BrasilTiktok CARAS BrasilSpotify CARAS Brasil
Atualidades / Influência

Biógrafo de Ayrton Senna afirma que Adriane Galisteu 'mudou' o piloto

Em participação do Mais Você, Ernesto Rodrigues, biógrafo de Ayrton Senna, afirma que Adriane Galisteu 'mudou' o piloto e dá detalhes sobre o relacionamento

Rafaela Bertolini

por Rafaela Bertolini

rbertolini_colab@editoracaras.com.br

Publicado em 07/06/2024, às 20h51 - Atualizado às 20h54

WhatsAppFacebookTwitterFlipboardGmail
Ayrton Senna e Adriane Galisteu - Foto: Reprodução / Instagram
Ayrton Senna e Adriane Galisteu - Foto: Reprodução / Instagram

Ernesto Rodrigues, autor da biografia 'Ayrton: O Herói Revelado', de Ayrton Senna, entregou detalhes sobre o relacionamento entre o piloto e a apresentadora Adriane Galisteu. Em participação do programa Mais Você, da Globo, o biógrafo disse que o romance entre os dois 'mudou' o tricampeão mundial de Fórmula 1.

Em conversa com Ana Maria Braga, o autor disse que Senna teve algumas grandes figuras amorosas em sua vida. "Eu nomearia quatro namoradas principais, além da primeira que eu citei, a Lilian. Teve outra Adriane, que ele namorou ela jovem, adolescente, manteve o namoro enquanto ia para a Europa. Teve a Xuxa, e uma terceira, a Cristina Ferrati, que ele namorou no período entre Xuxa e Galisteu. Viajou muito com ele, mas [falou] ‘não é a vida que eu quero'", disse Ernesto.

No entanto, ele destacou que o envolvimento entre o piloto e Galisteu teve um grande impacto na vida de Ayrton. "E teve a Adriane [Galisteu], que foi um momento diferente da vida do Ayrton, não que ele tenha rompido com a família, o livro não fala isso, e jamais falaria isso, mas foi um momento de emancipação dele. Todo mundo que convivia com ele percebeu que ele ficou mais relaxado", afirmou o biógrafo.

Jornalista também relembrou a paixão entre Senna e Galisteu

O jornalista Luís Roberto, responsável por cobrir Ayrton Senna na rádio CBN, também esteve presente no programa. Em sua participação, ele falou sobre os momentos em que percebeu a paixão do automobilista pela apresentadora da Record.

"Na quinta-feira, a gente foi para o autódromo porque a gente precisava ter notícia do Ayrton – não era como hoje, que você manda um WhatsApp. Quando a gente estava esperando o Ayrton, ele chega nessa vespinha com a Adriane, e diferente de todas às vezes, por acaso fui eu que perguntei: ‘E a mão?’. Ele era muito profissional, mas falou: ‘A esquerdinha? A esquerdinha tá ótima’. E fez um carinho na Adriane. Foi meio que: ‘Essa é minha mulher agora'", detalhou Luís.

O jornalista ainda lembrou de outro momento super fofo entre o casal. "Na sala de embarque, aguardando um voo da antiga Varig, quando a gente olha pelo vidro, tem um avião, que é o avião do Ayrton. Ele tinha levado para o [aeroporto] Charles de Gaulle o Galvão [Bueno]. O Galvão desembarca, ele e a Adriane descem do avião, dão tchau para o Galvão, o Galvão caminha no sentido do embarque, e os dois ficam na escadinha do avião do Ayrton abraçados", contou.

Luís Roberto ainda disse que leva aquelas memórias do casal com carinho. "A gente fica contemplando aquilo, e eu lembro que os comentários eram: ‘Gente, isso é paixão mesmo. Ele gosta da Adriane, está apaixonado’. Então eu aguardo essa imagem com um carinho enorme, é uma imagem de amor", pontuou o comunicador.

Por fim, Ernesto Rodrigues resumiu o romance entre Adriane Galisteu e Ayrton Senna, além do impacto desse envolvimento na vida do piloto, em poucas palavras. "Ele deu uma relaxada, sem deixar de ser aquele demônio na pista. Eram 24 horas, sete dias por semana, trabalhando alucinado. Mas era um momento muito especial", finalizou.