Revista CARAS
Facebook Revista CARASTwitter Revista CARASInstagram Revista CARASYoutube Revista CARASTiktok Revista CARASSpotify Revista CARAS

COPA: Roberto Carlos defende Felipe Melo

Apontado como 'vilão' dessa Copa, Felipe Melo é defendido pelo jogador Roberto Carlos, ex-lateral esquerdo da Seleção Brasileira e o 'vilão' da Copa de 2006

Redação Publicado em 02/07/2010, às 15h25 - Atualizado em 09/08/2012, às 15h22

Roberto Carlos - Arquivo Caras
Roberto Carlos - Arquivo Caras
O jogador Felipe Melo, um dos volantes da Seleção Brasileira, está sendo apontado como 'vilão' dessa Copa, devido à má atuação em campo no jogo contra a Holanda, nesta sexta-feira, 2. O camisa 5 do time se atrapalhou na área, deixando a Holanda marcar um gol, e cometeu uma falta maldosa no principal jogador do adversário, o Robben, sendo expulso na metade do segundo tempo do jogo. O Brasil perdeu por 2 x 1. O narrador Galvão Bueno falou ao vivo, durante a transmissão da partida, que foi "um filme que todos já esperavam ver", na hora em que o juiz mostrou o cartão vermelho para Felipe, que tem fama de ser briguento em campo. Antes de ser anunciado como um dos jogadores que iriam à África, Felipe foi muito criticado pela imprensa, por estar apresentando um futebol ruim em seu time atual, o Juventus, da Itália. O jogador Roberto Carlos, ex-lateral esquerdo da Seleção, defendeu Felipe Melo em entrevista: "Eu acho que isso é a maior... Não vou falar sacanagem, mas toda Copa do Mundo tem que buscar um culpado. O torcedor pode falar, mas para imprensa isso é antiprofissional. Esse é o jeito do Felipe Melo jogar. Às vezes pode dar certo e às vezes não". Roberto tomou as dores de Felipe Melo ao dar essa entrevista, já que em 2006, na derrota do Brasil para a França, ele foi o 'culpado' da vez. Em conversa com a imprensa após o jogo, Felipe fez o que lhe restou fazer, pedir desculpas... "Eu peço desculpa ao torcedor brasileiro. Esperava muito ser campeão. Estou muito triste. Peço desculpa pelo nosso fracasso. Para mim é um fracasso muito grande. É um momento difícil na minha carreira". Além disso, se manifestou também sobre sua expulsão: "Foi uma jogada normal, um lance de jogo. Hoje eu não fui desleal". No Twitter, o jogador Ronaldo Nazário aconselhou Felipe a "não passar as férias no Brasil". O ator Thiago Fragoso parebenizou todos os jogadores, menos o volante: "Parabéns aos jogadores, menos ao Felipe Melo, pela luta. O time estava segurando até aqui, mas o futebol é cruel". O apresentador Luciano Huck concordou com Galvão, prevendo que a má postura de Felipe em campo, poderia aparecer a qualquer momento. "Crônica de uma morte anunciada. Felipe Melo dando porrada".