Revista CARAS
Facebook Revista CARASTwitter Revista CARASInstagram Revista CARASYoutube Revista CARASTiktok Revista CARAS
TV / Polêmica

Zélia Duncan defende Cacau Protásio após ataques racistas: ''Você é a vitória da mulher negra''

A cantora usou suas redes para se posicionar sobre os ataques racistas contra Cacau Protásio

CARAS Digital Publicado em 27/11/2019, às 17h19

Zélia Duncan defende Cacau Protásio após ataques racistas - Divulgação
Zélia Duncan defende Cacau Protásio após ataques racistas - Divulgação

Na tarde desta quarta-feira, 27, Zélia Duncan compartilhou um registro da atriz Cacau Protásio e se posicionou sobre o caso de racismo que a artista sofreu.

Em seu perfil do Instagram, a cantora compartilhou um registro da atriz e escreveu: "A primeira vez que te observei, foi na novela Avenida Brasil. Você cantarolava, andando pela casa e eu só queria olhar para você. De lá pra cá te procuro na TV e sempre me surpreendo e dou risada com seu talento!"

"O resto é resto desses dias vazios de consistência e amor. O resto é o Brasil se arrastando, afundado em racismo e boçalidade. Você é vitória da mulher negra e isso eles não perdoam, os racistas ressentidos, misóginos, cansativos e desinteressantes. Vou seguir te procurando nas telinhas e telonas, seu talento nos consola!", finalizou

A treta aconteceu quando Cacau foi gravar uma cena do seu próximo filme Juntos e Enrolados, no Quartel-Central do Corpo de Bombeiros, no Centro do Rio.

Nas imagens, Cacau aparece fardada, realizando uma coreografia acompanhada de quatro bailarinos. Apesar da atriz ter feito questão de postar em suas redes um agradecimento aos  integrantes da corporação, o conteúdo filmado parece ter desagradado muito os profissionais que, segundo o colunista Leo Dias, trocaram  mensagens extremamente agressivas.

"Olha a vergonha no pátio do quartel central. Essa mulher do Vai que Cola, aquela gorda, colocou a farda e botou os dançarinos viados com roupa de bombeiro. Isso é um esculacho, rapaz. Qual é a desse comandante? Vai deixar uma p***** dessas no pátio do quartel?", declarou um bombeiro em um áudio enviado para um grupo de Whatsapp.

As falas dos profissionais causaram grande alvoroço devido ao seu conteúdo extremamente ofensivo e preconceituoso. ''Vergonhoso. Mete aquela gorda, preta, numa farda de bombeiro, uma bucha de canhão daquela, com um monte de bailarino viado, quebrando até o chão. Vão achar que é o que? Bombeiro? Aquilo é tudo viado. Lamentável.", afirmou outro.

Zélia Duncan defende Cacau Protásio após ataques racistas