tv

Veja por onde andam todos os campeões do Big Brother Brasil

Saiba o que eles fizeram com a fortuna conquistada no programa

CARAS Digital Publicado quinta 19 abril, 2018

Saiba o que eles fizeram com a fortuna conquistada no programa
Campeões do BBB - TV Globo/Reprodução

No ar desde 2002, o Big Brother Brasil já deixou 17 brasileiros milionários -- ou no caminho para garantir a fortuna fora do reality.

E na noite desta quinta-feira, 19, conheceremos o 18° campeão do reality show de maior sucesso da TV Globo.

Saiba por onde andam e como estão todos os campões do BBB:

BBB1 - Kleber Bambam

Kleber “Bambam” estreou a lista dos vencedores do programa. Participou da primeira versão brasileira do reality show e levou o prêmio de R$ 500 mil.

Antes dançarino de axé, o currículo do ganhador mudou bastante desde 2002, quando foi campeão.

Foi chamado novamente pela Globo para participar do BBB13, mas não aguentou a pressão da casa pela segunda vez e pediu para sair após brigar com Fani e Aline.

Atualmente, o modelo fitness tem uma fortuna avaliada em mais de R$ 5 milhões e investe em imóveis.

BBB2 - Rodrigo Leonel (Cowboy)

Rodrigo Leonel ficou conhecido como "Cowboy" durante a segunda edição do programa. O vencedor não se deu tão bem quanto seu antecessor, Kleber Bambam. Investiu em dois negócios em que não obteve sucesso: uma empresa de estampa para tecidos e uma distribuidora de calçados.

Em 2007, foi preso em flagrante acusado de estelionato na Festa do Peão de Barretos e desembolsou uma quantia de R$ 30 mil para sair da prisão.

Desde então, o ex-BBB está afastado da mídia.

BBB3 - Dhomini Ferreira

Famoso por ter vivido um romance com Sabrina Sato na casa do BBB3, Dhomini Ferreira levou R$ 500 mil após enfrentar quatro paredões.

Sua fortuna foi mal administrada em um posto de gasolina, logo após sair do reality, e o ex-BBB decidiu investir em sua dupla sertaneja, que fazia pequenos shows no interior de Goiás.

Dhomini, afastado da mídia, disse ter investido parte do dinheiro em terras.

BBB4 - Cida dos Santos

Cida foi a primeira mulher a vencer o reality em 2004. A ex-babá ganhou R$ 500 mil na quarta edição do programa e, ao sair, ficou afastada da mídia e voltou a morar em Mangaratiba, na Costa Verde do Rio.

Em 2014, a ex-BBB se candidatou à vaga de vereadora – e foi derrotada nas urnas –, e em 2017 começou a explorar um pouco mais o universo das mídias sociais. Postou, inclusive, uma foto com o visual repaginado: está loira!

BBB5 - Jean Wyllys

Jean Wyllys foi o campeão da 5° edição do Big Brother Brasil e o primeiro a receber o prêmio de R$ 1 milhão.

Após vencer, Jean escreveu alguns livros, mas preferiu levar sua vida no anonimato. O jornalista não divulgou como investiu o dinheiro, mas disse que mudou sua vida completamente. Em 2010 entrou para a política e foi eleito deputado federal pelo estado do Rio de Janeiro.  

Atualmente o deputado concilia a agenda política com as gravações do programa em que comenta sobre cinema.   

BBB6 - Mara Viana

Mara foi uma das ganhadoras que conseguiram prosperar e fazer o dinheiro render cada vez mais.

Empregou parte dele no tratamento da filha, que sofreu uma lesão cerebral antes mesmo de entrar no programa. O restante, a enfermeira – que mudou de ramo profissional – investiu em uma pousada em Porto Seguro (BA), e seu patrimônio é avaliado em torno de R$ 7 milhões.

BBB7: Diego Gasques (Alemão)

Alemão foi um participante que marcou a história do Big Brother Brasil 7. O brother não se envolveu em muitas brigas -- exceto com Airton --, mas seu triângulo amoroso com as sisters Iris Stefanelli e Fani Pacheco atraiu a atenção do público por toda a temporada.

Diego venceu com uma taxa de aprovação de 91% dos votos e sua popularidade garantiu alguns contratos publicitários e um programa no canal pago Multishow. Atualmente ele se dedica a negócios empresariais.

BBB8: Rafinha Ribeiro

Rafinha chegou ao Big Brother Brasil 8 cheio de estilo com suas camisetas furadas e jeito descolado. O músico manteve uma postura superamigável com todos os outros participantes do reality. Devido ao tamanho de seu nariz, foi carinhosamente batizado como ‘’filhote de tucano’’, pela sister Natalia Casassola.

Rafinha disputou a final ao lado de Gyselle Soares, e ganhou por um diferença de 1% dos votos. Recentemente, o brother revelou que ainda possui parte do seu prêmio e que viveu de anúncios publicitários ao sair da casa.

BBB9 - Max Porto

Max Porto, o grande vencedor da nona edição do programa, revela que gastou parte do dinheiro em contas que tinha para pagar. O artista plástico contou que, para dez anos de contas para pagar, R$ 1 milhão era pouco.

O ex-brother é bastante envolvido em suas redes sociais, possui um canal no YouTube, dá cursos de como entrar na seleção do BBB e declarou sua torcida por Kaysar na edição do BBB18

BBB10: Marcelo Dourado

Marcelo Dourado representa uma das maiores reviravoltas já vistas em toda a história do Big Brother Brasil. A primeira participação do brother aconteceu na edição de 2004, mas ele foi  eliminado e não chegou à final.

No ano de 2010, a produção do programa resolveu inovar e completou a lista de integrantes da casa, com ex-BBBs que fizeram sucesso nas edições anteriores. Polêmico, Dourado foi um dos escolhidos. Durante sua estadia no reality, o lutador protagonizou diversas brigas com os outros participantes, e chegou a ser considerado o vilão da temporada pelo público.

Contrariando todas as expectativas, ele chegou até a final e venceu o game. Atualmente está afastado da mídia e comanda uma academia.

BBB11: Maria Melilo

Maria Melilo ficou conhecida pelo relacionamento conturbado com o participante Mau Mau.

Após o reality show, a vencedora do BBB11 teve uma reviravolta em sua vida. Assim que recebeu o prêmio de R$ 1,5 milhão, Maria descobriu um câncer no fígado. Para lidar com o momento complicado, resolveu se afastar dos holofotes para o seu tratamento.

Maria atualmente vive um romance com o deputado federal Jarbas Vasconcelos.  

A ex-BBB chegou a trabalhar como atriz, modelo e apresentadora do Casseta & Planeta após vencer o reality.

BBB12: Fael Cordeiro

O BBB 12, vencido pelo veterinário Fael Cordeiro, conhecido como "Caubói" soube investir muito bem seu prêmio de R$ 1,5 milhão. O cowboy comprou duas fazendas no Mato Grosso do Sul, onde nasceu, e montou um centro de capacitação para veterinários e agrônomos.

BBB13: Fernanda Keulla

A advogada Fernanda Keulla venceu o 13º BBB, onde engatou um romance com o empresário André Martinelli. Fora do reality, o casal manteve o relacionamento por dois anos e meio.

A loira possui experiência em televisão, pois apresentou dois programas na Globo Minas, Pratos e Panelas e Moda e Estilo. Fernanda também tem um canal no YouTube e é a atual repórter da décima oitava edição do Big Brother Brasil.


BBB14: Vanessa Mesquita

Vanessa Mesquita polemizou no Big Brother Brasil 14 ao engatar um romance com a sister Clara Aguiar. O casal caiu no gosto do público e garantiu uma forte torcida que ajudou Vanessa a ganhar o prêmio.

Em 2017 a loira revelou que aplicou todo o dinheiro em um fundo de investimento e não gastou um centavo. Atualmente, Vanessa administra sua clínica veterinária e comanda uma ONG de proteção animal.  


BBB15: Cézar Lima

Cézar Lima ganhou sua torcida através da origem simples e interiorana.

O estudante de direito não se envolveu em grandes polêmicas dentro do reality. Emotivo, ganhou a fama de chorão da edição. O cowboy investiu o valor do prêmio e hoje vive de apresentações itinerantes com sua Balada Estrodôntica.

BBB16: Munik Nunes

Munik Nunes definitivamente não foi a protagonista do Big Brother Brasil 16, afinal, ofuscar a participação polêmica de Ana Paula Renault pode ser considerado uma tarefa impossível.

Enquanto a loira dividia a opinião do público, Munik conquistou os espectadores com seu sorriso fácil e jeito doce. A goiana enfrentou a youtuber Maria Claudia na final e levou o prêmio de R$ 1,5 milhão.

Fora da casa, Munik se casou um ano após a exibição do programa com um empresário do ramo de transportes e hoje investe em iniciar sua carreira como atriz.  


BBB17: Emilly Araújo

Emily Araújo teve uma passagem conturbada pelo Big Brother Brasil 17.

Constantemente taxada de egoísta pelos outros brothers, a gaúcha estava sempre envolvida nas confusões. Durante seu tempo no reality ela manteve um romance polêmico com o médico Marcos Harter. As brigas do casal se agravaram e Marcos foi eliminado após denúncias de assédio e agressão contra Emily.

O momento difícil fez a participante conquistar a simpatia do público e ganhar o game. De volta à cidade de Eldorado do Sul, a sister não teve seu contrato renovado com a emissora e engatou um romance com Jô Amâncio, meio-irmão de Neymar. Atualmente solteira, Emilly investe na carreira de digital influencer com milhões de seguidores nas redes sociais.

Último acesso: 07 Aug 2020 - 09:53:11 (300740).