Revista CARAS
Facebook Revista CARASTwitter Revista CARASInstagram Revista CARASYoutube Revista CARASTiktok Revista CARAS
TV / Luto!

Um ano e meio depois, Cauã Reymond fala pela primeira vez sobre a morte de sua mãe

Discreto, Cauã Reymond revelou que ainda lida com o luto de ter perdido sua mãe

CARAS Digital Publicado em 02/10/2020, às 12h08 - Atualizado às 12h11

Cauã Reymond fala pela primeira vez sobre a morte da mãe - Reprodução/Instagram
Cauã Reymond fala pela primeira vez sobre a morte da mãe - Reprodução/Instagram

Cauã Reymond desabafou pela primeira vez sobre a morte de sua mãe, Denise, que faleceu em janeiro do ano passado.

O ator, que é muito discreto em relação a sua vida pessoal, foi convidado para gravar uma narração para um aplicativo de meditação, e citou a perda, que o fez buscar ajuda.

"Acho que a gente vive no mundo uma crise de ansiedade. Acho, não. Me arrisco a dizer que a gente vive uma crise de ansiedade. Muita gente dependente de remédios etc. Perdi uma pessoa superpróxima, muito importante na minha vida, e foram momentos em que fiquei mais ansioso", declarou ele ao podcastJornada da Calma, de Helena Galante, no ar no Spotify.

Para recuperar sua saúde mental, o global revelou ter apostado na meditação: "Comecei a buscar técnicas de respiração, que automaticamente me levaram à meditação, à meditação guiada. Estou nessa busca. É um universo enorme quando a gente para para pensar no fluxo de pensamento", disse.

Cauã ainda falou sobre o período de isolamento social causado pela pandemia do coronavírus e afirmou também não ter sido um momento fácil para ele.

"Eu sou um cara que adoro conversar. Sofri muito na pandemia. Eu não sabia o quanto eu gostava de gente, o quanto eu precisava encontrar pessoas, ouvir histórias. Eu me alimento com o que observo no mundo. Sou muito curioso. Então, senti falta dessa troca", declarou.