Revista CARAS
Facebook Revista CARASTwitter Revista CARASInstagram Revista CARASYoutube Revista CARASTiktok Revista CARASSpotify Revista CARAS
TV / Desmascarada!

Thaeme reflete sobre trajetória no The Masked Singer BR: ''Me tirou da zona de conforto''

A cantora Thaeme, a Borboleta do 'The Masked Singer Brasil, foi desmascarada neste último domingo, 3

CARAS Digital Publicado em 04/04/2022, às 17h43

Thaeme reflete sobre trajetória no The Masked Singer BR: ''Me tirou da zona de conforto'' - Foto: Globo/Maurício Fidalgo
Thaeme reflete sobre trajetória no The Masked Singer BR: ''Me tirou da zona de conforto'' - Foto: Globo/Maurício Fidalgo

Thaeme Mariôto (36) foi a décima desmascarada da segunda temporada do The Masked Singer Brasil neste último domingo, 3.

A cantora, que participou do programa fantasiada de Borboleta, encantou o público e os jurados com suas apresentações, e avaliou sua trajetória no programa, ressaltando que o desafio foi importante para que ela saísse da sua zona de conforto.

Em entrevista ao Gshow, a artista falou sobre o convite para participar do reality musical da TV Globo. "Foi muito especial e ao mesmo tempo fiquei bem surpresa na época. Eu estava em um momento bem delicado, porque tinha acabado de ganhar neném e estava completamente parada por conta da pandemia também. E aí veio esse convite em que eu poderia me redescobrir, e mexeu muito comigo e na mesma hora aceitei. Eu precisava disso, me ajudou demais", explicou ela.

Trajetória e fantasia de Borboleta

Thaeme falou sobre sua trajetória no programa. "A experiência foi sensacional, me tirou da zona de conforto. Eu estava acostumada a fazer show, e foi um grande desafio cantar mascarada e dançar a coreografia. Foi sensacional! Me fez crescer profissionalmente e pessoalmente. E eu me entreguei, já que cantando mascarada você consegue fazer mais do que se estivesse sem máscara, então é possível se jogar sem se preocupar com o que vão falar", confessou.

A cantora sertaneja também falou sobre sua fantasia. "Toda a preparação foi muito legal, cada vez mais eu conseguia explorar minha voz, é sensacional. E é por isso que a gente consegue se conectar com os personagens."

"Foi muito legal, eu não tinha visto nem foto, só sabia que seria uma borboleta e tinha achado um máximo. Quando cheguei e vi, pensei: ‘Meu Deus! Colorida e vibrante' e quando coloquei foi uma emoção gigante, eu me olhava e achava tudo lindo. E fui entendendo como funcionava a fantasia, me adaptando e conhecendo o que eu poderia fazer com ela", completou.