Revista CARAS
Facebook Revista CARASTwitter Revista CARASInstagram Revista CARASYoutube Revista CARASTiktok Revista CARAS

Guilherme Leicam: “Luan Santana tem uma carreira inspiradora"

Em 'Tempo de Amar', ele se lança como cantor e sonha ser papai

Redação Publicado em 14/12/2017, às 07h41 - Atualizado às 07h43

Guilherme Leicam - FABRIZIA GRANATIERI
Guilherme Leicam - FABRIZIA GRANATIERI

O som ambiente é a música Volta, composta pelo próprio Guilherme Leicam (27). Em seu estúdio, montado na zona oeste do Rio, o ator se sente em casa e se inspira. “Quando não estou gravando, é aqui que fico”, avisa o galã, no ar como o Artur na novela das 6, Tempo de Amar. O diretor artístico do folhetim, Jayme Monjardim (61), foi quem o encorajou a investir também na carreira musical. Os dois já trabalharam juntos na novela Em Família, de 2014, e, nos bastidores, Jayme descobriu a aptidão musical do rapaz. “Nasceu uma força para quebrar o preconceito que eu tinha de me apresentar como cantor”, lembra ele, já com uma equipe de primeira ao seu lado e muitos instrumentos para ‘brincar’. “Primeiro veio a flauta doce, depois o violão. Hoje, estudo piano...”, enumera o ator, enquanto também arrasa na bateria.

Convencido em mostrar seus múltiplos talentos, Guilherme cairá na estrada após o fim da atual novela, em 2018, para apresentar seu som, definido como forronejo electropop. “Luan Santana tem uma carreira inspiradora para mim. Descobriu o som dele, assim como eu”, pontua ele, com o apoio da namorada, a atriz Bruna Altieri (19), e da mãe, Odete. Realizar o sonho do filho é algo antigo na vida dela. Aos 13 anos, Guilherme pediu para se mudar de Porto Alegre, onde nasceu, para o Rio e investir na carreira artística. Desejo realizado. “Ela apostou em mim. Não sofri. Tive dificuldades como toda história tem, mas fui muito feliz”, ressalta. O pai do ator, Edgar, não os acompanhou. Depois de conflitos na adolescência, hoje os dois vivem em harmonia. “Não entendia porque meu pai tinha que estar longe no momento que ele tinha que estar comigo. Demorou um tempo para eu entender que cada um escolhe um caminho e escolhi o meu.”

O pensamento maduro para avaliar os percalços já enfrentados e a busca pelo equilíbrio pessoal e profissional o motivam a construir uma família. Por enquanto, ele e Bruna são pais apenas da gata Pandora. Mas, se depender dele, em um futuro próximo, terão filhos. “Já fazemos os nossos planos. Alguns amigos viraram pais recentemente... Todo mundo acha que vou ser o próximo. Talvez por eu ter amadurecido cedo. Já posso ser pai, Bruna”, avisa.

Assumidamente romântico, Guilherme se define como um homem à moda antiga. “Bruna sempre foi minha musa em todas as experiências. Quando fui diretor, ela foi protagonista dos meus clipes. Quando faço música, de alguma forma sempre escrevo para ela”, derrete- se o ator, interrompido justamente por um telefonema da amada. “Ela me chamou para jantar hoje. Nós não somos de balada. Somos parecidos e gosto disso. Essa coisa que os opostos se atraem eu não acredito”, conclui ele.