Revista CARAS
Facebook Revista CARASTwitter Revista CARASInstagram Revista CARASYoutube Revista CARASTiktok Revista CARASSpotify Revista CARAS
TV / Família

Sabrina Petraglia publica foto com o marido e os filhos: ''Mãe não exerce a maternidade sozinha''

Sabrina Petraglia surge com o marido, Ramón Velázquez, e os filhos, Gael e Maya, e faz reflexão sobre criação dos herdeiros

CARAS Digital Publicado em 22/06/2021, às 12h49 - Atualizado às 12h49

Com a família, Sabrina Petraglia fala sobre parentalidade - Reprodução/Instagram
Com a família, Sabrina Petraglia fala sobre parentalidade - Reprodução/Instagram

Sabrina Petraglia (38) sempre usa suas redes sociais para falar sobre a maternidade!

Na última segunda-feira, 21, a atriz compartilhou um lindo registro em família, ao lado do marido, Ramón Velázquez, e dos filhos, Gael (2) e Maya, de quase 6 meses.

Na legenda da foto, publicada em seu perfil no Instagram, a artista comentou sobre a criação dos filhos e a importância da rede de apoio no desenvolvimento da criança.

"Sempre falamos em ser mãe de dois, mas esquecemos que na verdade é uma família de 4. E isso é importante? É sim, pois falamos muito em como lidar com a chegada do novo bebê. E falamos de questões como ciúmes, culpas, ausências, sem colocar na equação toda a família. Então, na verdade mãe de dois é família de 4", começou escrevendo.

"Claro que existem diversas composições de família, dois pais, duas mães, uma mãe, uma avó, 4 avós e por aí vai. Mas o que quero dizer aqui é que a mãe não exerce a maternidade sozinha, é algo mais amplo, é parentalidade. A mãe terá momentos de ausência para um filho e presença para outro e isso é menos doído quando pensamos que em nossa ausência, o filho ganha outra presença importante para seu desenvolvimento, seja do pai, dos avós, dos tios... Essa rede de apoio pode não só confortar emocionalmente esta mãe feita de culpa, mas também permite que a criança se desenvolva socialmente, testando seus sentimentos em contextos diferentes, aprendendo a lidar com o mundo em sua complexidade – exemplo – como lidar com a vergonha, o medo, entender a importância de se dizer o que quer, praticar empatia, o amor, entender como funciona o círculo social e tudo isso sem a mãe, se constituindo como indivíduo, desenvolvendo sua capacidade emocional. Não é maravilhoso?", continuou a mãe coruja.

"Então, quando sentir culpa pela ausência, pense em tudo que pode estar proporcionando para este filho. Seja presença sim, mas saiba doar ausência que também é muito importante", finalizou Sabrina.

Confira o clique encantador de Sabrina Petraglia com a família: