Revista CARAS
Facebook Revista CARASTwitter Revista CARASInstagram Revista CARASYoutube Revista CARASTiktok Revista CARASSpotify Revista CARAS
TV / BBB

Após show de Luan Santana, Yuri e Monique admitem sexo no BBB12

Durante discussão na festa da última noite, Yuri declarou que já teve relação sexual com Laisa dentro da casa

Redação Publicado em 02/02/2012, às 09h18 - Atualizado em 08/08/2019, às 15h43

Yuri / Laisa / Monique - Reprodução/TV Globo
Yuri / Laisa / Monique - Reprodução/TV Globo

A noite desta quarta-feira foi cheia de revelações, na festa que aconteceu após a apresentação que o cantor Luan Santana (20) fez para os integrantes do Big Brother Brasil 12.  Tudo por conta de conversa que o lutador Yuri (26), que começou um relacionamento com Laisa (23) logo na primeira semana do reality show e que terminou romance na última terça-feira, dia 31, teve com a sister. Durante o papo, ele acabou revelando que já manteve  relação sexual com ela no confinamento. “Você acha que eu disputaria alguma coisa com a mulher que fiz amor dentro da casa?”. Os dois estavam brigados, e após uma conversa, parecem ter acertado os ponteiros novamente.

Mais cedo, o lutador também chegou a discutir com Jonas, por achar que ele foi a escolha do modelo nos paredões. “Você votou em mim três vezes velho”, afirmou. "Como eu votei em você três vezes se você estava imune na última vez? Posso ter votado duas, uma e nenhuma. Não sou uma pessoa falsa e eu coloquei na minha cabeça que não vou contar voto”, explicou Jonas. “Você não sabe nada de mim Yuri”, finalizou a conversa.

Mas estes não foram os únicos assuntos polêmicos da noite. Renata (21) e Monique (23) conversaram sobre Jonas (25) e mostraram acreditar que o brother seja homossexual. “Eu dormi com o Dani. Pode não ter sido o melhor dos homens em relação a respeito, mas como homem...”, afirmou a gaúcha. “Posso te dar uma ideia? Desconfio. Porque não? Ele pode muito bem estar disfarçado. Quer saber? Eu acho”, disse a mineira. “Desconfio também”, concordou Monique.

Lembrando que no início do reality show, o modelo Daniel Echaniz (30), citado pela gaúcha no diálogo com Renata, foi expulso do programa por suspeita de ter abusado sexualmente de Monique. Depois de ter sido “eliminado” e de ter prestado esclarecimento à produção da Globo, ele postou em sua página oficial no Twitter. “Bom, já dei o meu depoimento. Agora é só esperar para que a justiça seja feita”.