Revista CARAS
Facebook Revista CARASTwitter Revista CARASInstagram Revista CARASYoutube Revista CARASTiktok Revista CARASSpotify Revista CARAS
TV / Doença

Pedro Bial abre o coração sobre sua depressão e revela se sente vergonha do seu passado no BBB

O jornalista global comentou sobre depressão e os bastidores do 'Big Brother Brasil'

CARAS Digital Publicado em 28/03/2019, às 15h58 - Atualizado às 15h58

Pedro Bial - Reprodução / Globo
Pedro Bial - Reprodução / Globo

Pedro Bial abriu o jogo e surpreendeu todo mundo ao falar sobre sua vida íntima. O jornalista comentou sobre a depressão que enfrentou por cerca de seis meses. 

A confissão foi feita em um bate-papo com Marcelo Bonfá em vídeo publicado nesta quinta-feira, 28, no canal Pingue-Pongue com Bonfá.

"Pensar no pior, no sentido de pensar em suicídio? Não. Mas há outras maneiras de você se abandonar. Pode não pensar num suicídio ativo, dar um tiro na cabeça, se jogar pela janela, mas pode parar de se cuidar, se largar, parar de se cuidar, se largar, parar de prestar atenção em coisas que são importantes para a sua felicidade, e assim permitir que alguma coisa ruim aconteça a você", explicou ele.

Questionado, Pedro admitiu que lidou com o momento conturbado em sua vida. "Na virada do século, do milênio, eu andei bem ruinzinho, roendo borda de penico. Mas dei a volta por cima, com um bom psicanalista, com psiquiatra, medicamento", lamentou.

"A minha fase crítica de depressão durou uns seis meses. O processo todo quase dois anos, entre cair e levantar. Um pouco menos, um ano e meio. Não é de uma hora pra outra", continuou o apresentador. 

Agora que superou o problema, o moreno comemora: "Nunca mais ocorreu. O que é um bom sinal, porque no geral quem tem depressão uma vez acaba tendo outros episódios. Eu não tive. Talvez porque eu já tenha uma certa precaução. [Se] Vejo alguns sinais aparecendo, eu já tomo algumas medidas, antes que se precipite numa depressão mesmo", explicou o global.

Sobre o Big Brother Brasil, Pedro afirmou não ter nenhuma vergonha das temporadas que passou comandando o reality. "Um sucesso extraordinário, eu tenho muito orgulho de ter participado desse fenômeno. Hoje eu fico só de espectador, batendo palmas pro Tiago Leifert", disse, elogiando o atual apresentador da atração.

Assista a entrevista completa: