Revista CARAS
Facebook Revista CARASTwitter Revista CARASInstagram Revista CARASYoutube Revista CARASTiktok Revista CARASSpotify Revista CARAS

Na despedida do Amor & Sexo, Lea T faz alerta contra a transfobia: 'É normal ter medo'

Modelo brasileira se emocionou ao falar sobre a violência contra transexuais

CARAS Online Publicado em 03/04/2016, às 09h54 - Atualizado às 10h06

Lea T no 'Amor & Sexo' - Reprodução TV Globo
Lea T no 'Amor & Sexo' - Reprodução TV Globo

A modelo brasileira Lea T. se emocionou no Amor & Sexo deste sábado, 3. Na despedida  do programa, ela falou sobre sua vida pessoal e fez um alerta contra a transfobia.

+ Lea T fala sobre mudança de sexo e não descarta ter uma namorada

"Só neste ano, 56 transexuais morreram por violência. É normal que você tenha medo de aceitar o que você é", disse a modelo visivelmente emocionada. "Infelizmente o Brasil é o primeiro lugar no mundo em transfobia ou em violência contra pessoas que se identificam com um gênero diferente do que nasceram", desabafou.

Lea T, que é filha do ex-jogador Toninho Cerezo, falou sobre o processo de sua aceitação.

"O que demorou mais comigo foi a aceitação, a minha aceitação. Eu fui entender, compreender o que estava acontecendo comigo eu estava com 23, 24 anos. Eu sempre fui a mesma pessoa, nunca mudou. O que eu simplesmente quis mudar era a caixinha da alma", explicou.

Ela revelou que o apoio da família foi fundamental neste processo. "Desde o começou quando eu falei com a minha família foi ótimo. Foi complicado porque meu pai era uma pessoa muito conhecida, mas eu tive uma bênção por ter uma família assim", agradeceu.