tv Felicidades

Lucio Mauro Filho homenageia Alceu Valença: ''Um artista que eu admiro e um ser humano que eu amo''

Nas redes sociais o ator falou sobre a admiração que sente pelo cantor que está completando 74 anos

CARAS Digital Publicado quarta 1 julho, 2020

Nas redes sociais o ator falou sobre a admiração que sente pelo cantor que está completando 74 anos
Lucio Mauro Filho com Alceu Valença - Reprodução/Instagram

Lucio Mauro Filho usou suas redes sociais para prestar uma bela homenagem ao cantor Alceu Valença

Nesta quarta-feira, 1, o artista está completando 74 anos de idade e o ator fez qustão de celebrar essa data relembrando no Instagram um clique ao lado dele e da sua esposa, Cíntia Oliveira. Na legenda ele expressou todo carinho que sente por seu ídolo na música. 

"Dia do mestre Alceu Valença, um dos meus primeiros ídolos da música, amado por toda a minha família e claro, pelo Brasil. Meu pai gravou o “Monólogo das Mãos” em vinil, pela Som Livre. O ano era 78, minha irmã mais nova estava pra nascer. Voltando das gravações, papai trouxe o disco de um artista Pernambucano que tinha lhe impressionado. “Espelho Cristalino” já trazia na capa aquele cara me encarando com um olhar de peixe morto, sedução escancarada. Tinha muita curiosidade sobre aquele disco", lembrou ele. 

"Quando finalmente fui autorizado a mexer na vitrola da sala, procurei aquele disco pra saber do que se tratava. Ali, tomei contato com o Rock Nordestino (Gil & Caetano já eram bichos do mundo). E graças á Alceu, cheguei á Moraes Moreira, Novos Baianos, Zé Ramalho, Geraldo Azevedo, Elba, Amelinha, Belchior... Alceu revolucionou minha vida. Quando papai foi trabalhar como jurado do Chacrinha, a hora de Alceu tinha finalmente chegado. Seu “Coração Bobo” estourou no Brasil e o papai tinha aquele orgulho do “Eu já sabia!”. Em 82, quando saiu “Cavalo de Pau”, eu já era fã de Alceu e papai me trouxe o disco autografado. A edição era especial e a capa do LP vinha no recorte da caixa de madeira que era retratada na capa", contou. 

"No encarte, havia uma carta de seu filho Ceceu, lhe pedindo uma bicicleta de presente. Eu gostava tanto do pai, que comecei a gostar daquele filho que eu só conhecia por aquela carta e aquela foto do encarte. Cavalo de Pau transformou Alceu num astro Pop. “Morena Tropicana” tocou o ano inteiro, nos quatro cantos do país. Era Xote, era Reggae, era Alceu. Todas as músicas do disco estouraram. Em 1996 fui fazer meu primeiro protagonista no teatro, em “Bravo Soldado Schweik” e descobri que aquele garoto do encarte faria parte do elenco", acrescentou.

Lucio Mauro seguiu falando da amizade que fez com o cantor. "No primeiro dia de ensaios, eu contei pra Ceceu que nossa amizade tinha começado desde o dia em que ganhei “Cavalo de Pau” do meu pai. Nos tornamos amigos e Ceceu conquistou toda a minha família, que eram sua vizinha em Ipanema. É um amor de pais e filhos. Alceu é o Brasil de verdade. É um artista que eu admiro e um ser humano que eu amo. Feliz Aniversário Alceu!", finalizou.

Além do ator, a cantora Elba Ramalho também usou suas redes sociais para comemorar os 74 anos do amigo

Confira a publicação: 

Lucio Mauro Filho comemora aniversário de Alceu Valença

Receba notícias da CARAS Brasil no WhatsApp! Para fazer parte do canal CLIQUE AQUI!
 

 

 

Último acesso: 12 Aug 2020 - 07:08:23 (355941).