tv Reforma

Kim Kardashian quer que a pena de morte acabe no estado da Califórnia

Kardashian está lutando para reformar o sistema prisional nos Estado Unidos

CARAS Digital Publicado quinta 14 março, 2019

Kardashian está lutando para reformar o sistema prisional nos Estado Unidos
Kim Kardashian pode comemorar uma vitória em sua luta - Reprodução/ Instagram

A mudança do sistema prisional nos Estado Unidos está no topo da lista de tarefas de Kim Kardashian.

Desta vez, a socialite decidiu abordar a pena de morte aplicada no estado da Califórnia como um problema.

''No ano passado, mergulhei no aprendizado sobre o sistema de justiça criminal. Eu visitei prisões, me encontrei com ex-prisioneiros e ajudei em casos individuais de injustiça - incluindo dois casos de pena de morte'', escreveu a modelo em seu Twitter.

Esperando a chegada do quarto filho, Kim conheceu a governadora do estado onde mora, Gavin Newsom, e discutiu o assunto para colocar fim na punição cruel que permite que o Estado mate criminosos.

A estrela de reality já mostrou disposição em ajudar, quando se ofereceu para pagar o aluguel durante cinco anos de um recém saído da prisão.

Nesta quarta-feira, 13, Newsom anunciou a decisão histórica de que as penas de morte estão suspensas, poupando a vida de 737 detentos que estavam esperando a execução.

''O preconceito e a injustiça estão profundamente em todo o sistema de justiça, mas especialmente quando se trata da pena de morte. E não devemos aceitar o risco de que uma pessoa inocente pode ser executada. Espero que possamos ter melhores soluções que se concentrem mais em curar vítimas de traumas e priorizar justiça'', contou a governadora em uma entrevista.

Último acesso: 15 Oct 2021 - 21:49:32 (315323).

Leia também

TV CARAS