Revista CARAS
Busca
Facebook Revista CARASTwitter Revista CARASInstagram Revista CARASYoutube Revista CARASTiktok Revista CARASSpotify Revista CARAS
TV / Carreira e sonhos!

Julia Bach fala sobre carreira, atuação, música, sonhos e como lida com fama

Atriz Julia Bach, de Além do Guarda-Roupa, explica como quis ser atriz e fala sobre vida pessoal e fama

Henrique Cesar Mello

por Henrique Cesar Mello

hmello_colab@caras.com.br

Publicado em 13/08/2023, às 04h13

WhatsAppFacebookTwitterFlipboardGmail
Atriz Julia Bach, de Além do Guarda-Roupa, explica como quis ser atriz e fala sobre vida pessoal e fama - Foto: Divulgação
Atriz Julia Bach, de Além do Guarda-Roupa, explica como quis ser atriz e fala sobre vida pessoal e fama - Foto: Divulgação

Estreando nas plataformas de streaming com a série Além do Guarda-Roupa, da HBO Max, a atriz e cantora Julia Bach falou em exclusividade com a CARAS Digital sobre sua carreira, quando soube que queria ser artista, sua vida pessoal, como lida com a fama e muito mais. Veja!

Julia desde pequena já sabia o que queria fazer da vida. “Não lembro do momento exato que isso aconteceu, mas sei que é algo muito antigo.Desde os meus 6, 7 anos de idade já dizia que iria ser atriz e cantora, exatamente com essas palavras”, relembrou a jovem de 24 anos de idade.

“Mas foi só com 10 anos que fui fazer meu primeiro curso de cinema e TV, e foi ali que realmente percebi o quanto amo tudo isso. Acho que via as atrizes nas novelas e pensava: ‘Ei, eu posso fazer isso’. Ouvia as músicas da Beyoncé e queria cantar exatamente igual a ela. Então foi muito natural querer ser artista. E meus pais, com certeza, sempre me apoiaram e são até hoje os meus maiores incentivadores. E sou muito grata, porque torna as coisas bem mais fáceis. O amor e o apoio torna tudo mais leve”, completou Julia.

Como lidar com o reconhecimento?

Atriz de teatro, cinema, televisão e cantora, Julia acumula diversos fãs. Mas como lidar com a fama que ser tão multitalentosa traz? Mesmo ainda não tão conhecida, a artista arrecada admiradores por onde passe com turnês de espetáculos que faz pelo país.

“Isso é muito louco de se pensar porque eu trabalho desde muito nova. Vim para São Paulo estudar teatro musical e estou em turnê pelo Brasil com peças musicais desde 2021. Então, cada lugar que nós passamos com os espetáculos, que as pessoas vão conhecendo o nosso trabalho, existem aquelas que ficam na nossa vida e nos acompanham até hoje”, contou.

“Tenho pessoas que me assistiram no meu primeiro trabalho no teatro em 2012, no Adolescer, em Porto Alegre, e até hoje interagem comigo nas redes sociais. É isso a fama? [Risos]. Eu não sei, mas sei que essa troca é o que muitas vezes me nutre para seguir em frente, afinal, o nosso trabalho é completamente destinado para eles, o público! Mas acho que ainda não cheguei na fase ‘meio chata’, digamos assim, da fama, que seria administrar as fofocas e muitas pessoas falando sobre a minha vida pessoal sem me conhecer. Bom, vamos ver as cenas dos próximos capítulos da minha carreira depois da série! [Risos]”, completou.

“Às vezes parece que a palavra ‘fãs’ torna tudo mais distante. Eu amo quando falam fãs, mas sinto que as pessoas que me acompanham são mais do que isso. A relação que eu tenho com essas pessoas que me apoiam, tanto nas redes sociais, quanto pessoalmente, é de muito valor para mim. Como eu disse anteriormente, o trabalho artístico no final é para o público. Então, sim, existem muitas coisas nos bastidores que acontecem antes de chegarmos para todas essas pessoas, mas quem vai colher o fruto de toda a dedicação e tudo que plantamos na carreira, são eles, e é para eles que vai todo nosso esforço. Portanto, eu sou muito grata e apaixonada por todas essas pessoas que me incentivam e são tocadas pelo meu trabalho. Busco estar presente e dar a atenção que eles merecem, como eles são comigo”, celebrou.

Existe tempo para o amor?

Para muitos, conciliar relacionamento enquanto se é artista é um desafio, mas para Julia, isso se tornou algo interessante, por um detalhe muito importante: seu namorado também é artista! “Eu tenho um namorado maravilhoso (e muito gato por sinal) e ele também é artista. Então, meio que naturalmente, ele faz parte da minha vida com muita felicidade. A gente sempre está conversando e criando coisas juntos”, explicou a atriz e cantora.

“Ele é ator, mas também é fotógrafo, videomaker, editor, ele trabalha com esse lado por trás das câmeras, e isso me ajuda muito em coisas que quero produzir independentemente. Por exemplo, a minha primeira música lançada no Spotify, Me Libertar, foi ele que fez a capa e o design. Além de, obviamente, me apoiar muito na minha carreira e assistir todas as minhas peças e trabalhos. Enfim, uma dupla perfeita! [Risos]”, comentou.

Rotina e preparação para os projetos

Ser artista às vezes não é fácil, uma vida sem rotina e imprevisível. “A rotina do artista é basicamente não ter rotina”, brincou Julia. “Minha rotina acaba sendo muito variável, conforme a demanda de cada trabalho que estou. Mas atualmente, durante a semana, me organizo com meus projetos pessoais e profissionais, estudo o que preciso estudar de músicas e textos, às vezes tenho ensaios durante a semana também e, quando dá tempo, faço umas aulas de jazz e canto para manter a voz e o corpo sempre em movimento”, explicou.

Para artistas que querem crescer seu público, as redes sociais são parte importante para arrecadar novas pessoas. “Ainda busco trabalhar nas minhas redes sociais, tendo esse olhar de empreendedora, podemos dizer, que a Luísa me ensinou tanto na série. No final de semana, bem normalmente viajo com os espetáculos musicais que faço parte. Cada final de semana é um lugar, um público diferente e uma novidade”, completou.

Além disso, a preparação para os projetos são o que faz a diferença para a atuação do artista. “Como cada projeto é único, com exigências tão diferentes de como sou como pessoa, toda vez a preparação também é muito única. Para fazer peças que eu canto e danço, por exemplo, manter o meu condicionamento em forma é fundamental para que aguente fazer o trabalho sem morrer [risos]”, brincou Julia.

“Estar sempre em movimento, fazer exercícios, ir na academia, cuidar da pele, da voz, ir na terapia. Tudo isso faz parte do trabalho. Meu corpo é meu instrumento, então preciso cuidar muito bem dele”, explicou. Geralmente artistas possuem seus rituais de preparação únicos, e com Julia, não é diferente. “Eu sempre tenho meu momento de concentração e de energização antes de entrar em cena, tanto no teatro, quanto no cinema ou TV. Este momento é ficar em silêncio, me concentrar, rezar e agradecer também se torna um ritual especial para fazer o que tanto amo de corpo e alma”, completou.

Conquistas na carreira

Mas, o que ainda dá para alcançar em uma carreira tão consolidada e tão jovem? Para Julia, muita coisa. “Eu já conquistei muito com a minha carreira. A principal coisa acredito que seja a minha independência. Poder viver na minha casa, mesmo que ainda seja de aluguel, construir minha rotina, ter minhas plantas, meu canto e viver minha vida através da arte”, respondeu.

“Isso é muito lindo. Mas obviamente ainda desejo conquistar muitas coisas, como estar cada vez mais estável financeiramente, para poder também investir na minha carreira musical e nos meus projetos pessoais, que acredito ser o que ainda desejo conquistar. Juntar cada vez mais esses dois mundos que vivem em mim, a atuação e a música, e tornar isso viável”, completou.

Sonhos e futuro de sua carreira

E por mais que tenha conquistado muitos de seus sonhos, ainda existe muita coisa para ser sonhada. “Essa pergunta é intensa”, brincou, ao ser questionada sobre o maior sonho de sua carreira. “Eu sinto que tenho muitos, mas todos se complementam. Sinto também que já realizou muitos sonhos daquela Julia de 10 anos atrás, quando já atuava profissionalmente. Então, hoje, sonho conseguir melhorar no que eu faço cada vez mais, ser de verdade a melhor no que eu faço, mas não a melhor comparada ao outro, mas comparada a mim mesma”, disse.

“Que eu consiga em cada papel, ser a melhor atriz que eu poderia ser. E que eu consiga em cada música que eu compor, a melhor compositora e cantar a da melhor maneira que eu jamais tinha cantado antes. Meu sonho é evoluir e continuar evoluindo, nunca me estagnar e ir até onde meu esforço e meu talento puderem me levar. Do Brasil até a Coreia, da Coreia ao mundo e a todas as possibilidades que existem. Eu quero viver todas elas!”, finalizou, se mostrando ansiosa para o que o futuro lhe tem guardado.

Na última quinta-feira, Julia estreou nos streamings com a série Além do Guarda-Roupa, da HBO Max. Nela, a atriz interpreta Luísa, uma jovem empreendedora que vê na banda de K-Pop ACT uma chance de ganhar muito dinheiro. Os três primeiros episódios já foram disponibilizados pela plataforma, que lançará um a cada semana até completar os 10 totais. A obra é de Marina Esodrevo, Alice Hirata e Letícia Kamiguchi e foi dirigida por Marcelo Trotta, Sabrina Greve e Paula Kim.

Além de Julia Bach, o elenco da série conta com a estreante Sharon Cho, que viverá Carol, e outros astros como Kim Woo-jin, Jin Kwon, Lee Min-wook, Yoon Chan, Júlia Rabello, Sabrina Nonata, Lucas Deluti, Luiza Parente, Ana Botafogo e Pyong Lee.