tv Família!

Giovanna Ewbank se emociona ao falar sobre educação dos filhos no programa de Thelma Assis

Em conversa com Thelma Assis, Giovanna Ewbank e Bruno Gagliasso contam sobre criação dos filhos e falam sobre racismo

CARAS Digital Publicado quarta 30 setembro, 2020

Em conversa com Thelma Assis, Giovanna Ewbank e Bruno Gagliasso contam sobre criação dos filhos e falam sobre racismo
Giovanna Ewbank e Gagliasso falam sobre educação dos filhos - Reprodução/Instagram

Giovanna Ewbank e Bruno Gagliasso bateram um papo com Thelma Assis!

Triangulando é o novo programa da campeã do BBB20, e o casal e Djamila Ribeiro foram os convidados na estreia, nesta terça-feira, 29.

Na conversa, os papais falaram sobre a criação dos filhos, Titi, de 7 anos, Bless, de 5, e o pequeno Zyan, de 2 meses, e como abordam o tema racismo com os herdeiros.

"Hoje a gente ainda não tem papos como esse com as crianças porque eles ainda são novos, mas a gente já instrui eles de outra maneira. Temos muitos livros em casa, muitas referências. Isso as prepara de uma maneira mais lúdica, não tão cruel como é na realidade, mas preparando para ter esse papo com eles, o que com o nosso filho Zyan, que é um bebê branco, a gente não vai precisar ter. Isso é uma coisa que nos machuca muito também, a gente saber que vai existir essa diferença na criação de Títi Bless e Zyan", falou a apresentadora, emocionada.

"A gente tem que ser muito forte para deixá-los fortes. Nós, como brancos e fomos crianças brancas, nunca passamos por nada disso. A gente sabe que em algum momento vamos ter esse papo com as crianças. Eles não estão imunes a nada!", explicou ainda.

"Os três serão criados para serem antirracistas", completou Bruno. Giovanna ainda refletiu: "Eu fico imaginando quantas crianças, que não estão na posição dos nossos filhos, passam com o racismo em todos os momentos da vida. Eles estão em uma posição privilegiada por serem conhecidos, por serem filhos de pessoas públicas e brancas".

A loira também falou sobre a adoção de Titi e Bless e destacou que a vida do casal mudou com a chegada dos dois. "Mais do que mudar a vida deles, mudou a nossa vida. Eu me vejo um ser humano muito melhor, muito mais evoluído. Eu não escolhi raça, eu escolhi o amor. Eu fico muito abalada e muito triste de ouvir uma estática como essa, isso para mim é inaceitável".
 

Último acesso: 25 Oct 2020 - 17:40:59 (364535).

TV CARAS