Revista CARAS
Facebook Revista CARASTwitter Revista CARASInstagram Revista CARASYoutube Revista CARASTiktok Revista CARASSpotify Revista CARAS
TV / Medinho

Folklore: HBO lança série de terror baseada em folclore oriental; conheça as histórias

Emissora liberou o primeiro trailer, e está demais!

CARAS Digital Publicado em 21/01/2019, às 18h59 - Atualizado em 22/01/2019, às 09h47

Folklore - Reprodução / YouTube HBO
Folklore - Reprodução / YouTube HBO

Em 2019, a HBO nos deixa órfãos de sua maior produção até hoje: Game of Thrones, que estreia sua oitava e última temporada. Mas isso não significa que a emissora vai nos abandonar e nos deixar sem séries. Pelo contrário, ela planeja um superlançamento para este ano!

Nesta segunda-feira, 21, a HBO lançou o primeiro trailer de Folklore. A série é puro terror, e traz em seu enredo lendas asiáticas do folclore local. Indonésia, Japão, Coreia do Sul, Malásia, Singapura e Tailândia são os países que serão contemplados.

Segundo a EW, o primeiro epísódio, A Mother's Love, é da Indonésia. Nele, uma mãe e seu filho acham um grupo de crianças sozinhas em um prédio abandonado, e tira todos eles de lá, devolvendo-os para suas casas. Mas, sem saber, tirou as crianças dos cuidados de Wewe Gombel, o espírito. 

Esse episódio conta a lenda de Wewe Gombel. Segundo o folclore local, Wewe era uma mulher casada, porém infértil. Ao perceber isso, seu marido se distanciou dela. Um dia, sozinha e triste, ela vê o homem a traindo e o mata, cometendo suicídio logo em seguida. Seu espírito continua vagando pelo mundo, e pegando crianças que estão sozinhas por aí e são maltratadas pelos pais. Se os pais se arrependem do comportamento, ela devolve as crianças. 

O quinto episódio, Toyol, é da Malásia. Nele, um membro do Parlamento de uma cidade pede ajuda a uma mulher misteriosa que é xamã para salvar a economia da cidade que governa. Eles se apaixonam, e ela resolve os problemas como um passe de mágica.

Na mitologia do local, Toyols são pequenos seres entre diabretes e sacis. Eles são feitos por xamãs, que pegam o corpo de um bebê abortado e, através de magia negra, dão vida a eles. O dono o usa principalmente para travessuras, roubos e coisas erradas de todo o tipo.