Revista CARAS
Facebook Revista CARASTwitter Revista CARASInstagram Revista CARASYoutube Revista CARASTiktok Revista CARASSpotify Revista CARAS

Estrelas festejam as polêmicas, as surpresas e o romance na última novela de Manoel Carlos

Rodeado por Julia Lemmertz, Gabriel Braga Nunes, e Humberto Martins o autor celebrou a estreia de sua 12ª novela

CARAS Publicado em 07/02/2014, às 18h47 - Atualizado em 10/05/2019, às 11h20

Estreia de Em Família - Paulo Múmia
Estreia de Em Família - Paulo Múmia

Rodeado por Julia Lemmertz (50), Gabriel Braga Nunes (41) e Humberto Martins (52), protagonistas de Em Família, Manoel Carlos (80) celebrou a estreia de sua 12ª novela, e prometida despedida delas, em noite de glamour no Copacabana Palace, Rio. “O começo de uma história é sempre uma incógnita, mas, devido à minha experiência, estou confiante de que o trabalho vai ser apreciado e prestigiado”, refletiu o autor da trama, que desde segunda-feira, dia 3, ocupa o horário nobre da Globo. “A emissora não aceita bem a minha ideia, mas quero parar enquanto ainda estou em condições de escrever”, completou, ao lado do diretor de núcleo, Jayme Monjardim (57). Emocionados, os três astros da história falavam sobre a importância pessoal e profissional de atuarem pela primeira vez em uma história de Maneco. “Tenho admiração por ele desde que minha mãe fez Por Amor, em 1997. Quando soube que meu personagem iria viver uma história de amor com o da Julia, de quem sou fã, aí não tive dúvida em emendar Saramandaia com Em Família”, assegurou Gabriel, filho de Regina Braga (68). Julia também tinha uma motivação bem íntima: vai viver a nona Hele na, nome que o escritor dá às suas protagonistas, processo iniciado justamente por sua mãe, Lilian Lemmertz (1937–1986), em Baila Comigo, de 1981. “Independentemente das Helenas, Maneco cria personagens incríveis, principalmente para as mulheres”, elogiou, vestindo Carolina Herrera e tietada pelo filho, Miguel (13), e pelo marido, Alexandre Borges (47). A história será marcada por um conturbado triângulo amoroso, com os encontros e desencontros dos primos Helena e Laerte, interpretado por Gabriel. A aproximação de Virgílio, papel de Humberto, culminará em uma tragédia. Os efeitos dela serão sentidos 20 anos depois, já na terceira fase, quando Laerte reencontra os outros dois já casados.

A obra trará ainda outras questões que prometem despertar a atenção do telespectador, como o romance das personagens de Giovanna Antonelli (37) — que estava com o marido, Leonardo Nogueira (34), diretor geral da novela — e Tainá Müller (31). A coragem de explorar o tema ganhou elogios de Daniela Mercury (48), que ano passado assumiu o relacionamento com a jornalista Malu Verçosa (37). “É maravilhoso que o Maneco aborde também a questão da diversidade e da sexualidade humana”, afirmou a cantora, empolgada com o último capítulo de Amor à Vida, na sextafeira, dia 31, quando pela primeira vez a Globo exibiu um beijo na boca entre dois homens, vividos por Mateus Solano (32) e Thiago Fragoso (32). “Foi um gol da emissora e do Brasil. Achei corajoso, afetivo, uma cena bonita. Que venham novas conquistas!”, disse Daniela, após cumprimentar outras estrelas de Em Família, como Natália do Valle (59), Helena Ranaldi (47) e Viviane Pasmanter (42). Uma das mais alegres na festa era Bruna Marquezine (18), que, além de viver Helena jovem, fará a filha da protagonista na terceira fase. Bruna vestia modelo Dolce & Gabbana idêntico ao usado por Naomi Watts (45) no Festival de Cinema de Cannes no ano passado. “Me preocupo um pouco com moda, mas não me fixo em tendências”, falou a namorada do jogador Neymar (21).

E não era só o elenco que exultava por participar do projeto. Ana Carolina (39), ao cantar Eu Sei Que Vou Te Amar na festa, deu a medida de sua emoção. “Quase morri do coração quando soube que seria a intérprete da música de abertura”, disse. Após se apresentar no  mesmo palco, Sandy (30), grávidade quatro meses do primeiro filho, da união com Lucas Lima (31), também não escondia a felicidade. “O bebê foi planejado e vem em excelente hora. Ainda não sabemos o sexo, mas temos uma listinha de nomes. E vou esperar para olhar na carinha dele e ver qual combina mais”, explicou Sandy, que cedeu o palco a Tânia Mara (30), mulher de Monjardim, intérprete de Só Vejo Você. As cantoras foram aplaudidas pelo senador Eduardo Suplicy (72), primo do diretor. O evento foi prestigiado ainda por Fábio Jr. (60). “Nunca trabalhei em uma novela do Maneco, mas ele falou que se eu quiser voltar a atuar, que seja em um trabalho dele”, orgulhou-se o cantor.