Revista CARAS
Facebook Revista CARASTwitter Revista CARASInstagram Revista CARASYoutube Revista CARASTiktok Revista CARAS
TV / Exclusiva

Duda Nagle revela como está se sentindo com a reprise de 'Divã': ''Uma nostalgia incrível''

'Divã' ganha reprise no VIVA e Duda Nagle conversa com a CARAS Digital sobre a série

Isabela Thurmann Publicado em 11/08/2021, às 15h03 - Atualizado às 15h09

Em entrevista, Duda Nagle comenta sobre reprise de 'Divã' - Reprodução/Instagram
Em entrevista, Duda Nagle comenta sobre reprise de 'Divã' - Reprodução/Instagram

Viagem ao túnel do tempo!

A partir desta quarta-feira, 11, a série Divã, que teve sua estreia em 2011, vai ser reprisada no canal VIVA.

Com isso em mente, a CARAS Digital decidiu bater um papo com Duda Nagle(38) sobre a reapresentação da trama.

O ator, que deu vida a Bruno, um dos filhos da protagonista Mercedes, interpretada por Lilia Cabral (64), admitiu estar animado.

“A sensação de se rever na telinha é ótima porque você lembra, parece que foi ontem que você fez aquele trabalho. É muito legal! A gente lembra dos papos nos bastidores, das gargalhadas e de todo o período. Eu estava na Califórnia passando uma temporada (já estava lá há 5 meses) quando veio o convite, e na mesma hora comprei a passagem e voltei ao Brasil. Já vim estudando o texto no terraço do prédio. Foi uma delícia conviver com Lília Cabral, Johnny Massaro, Totia que já havia sido minha madrasta num trabalho anterior (Caminho das Índias), Paulo Gustavo que já era uma figura, o José Alvarenga... Estou muito ansioso pra rever esse trabalho. Uma nostalgia incrível”, começou.

“Assistir pela primeira vez é uma adrenalina incrível. Você não sabe o que esperar, inclusive as cenas serem cortadas… Mas quando você vê tudo no ar, vê o trabalho, a história sendo contada tem uma emoção mais forte. É como nascer um filho profissionalmente falando. Rever agora é mais nostálgico”, prosseguiu o parceiro de Sabrina Sato(40).

E, é claro que a nostalgia não é pelo que passa nas telinhas; os bastidores também deixaram marcas no gato. “Tem uma sequência em que a Patricia Pillar vai almoçar na casa do meu personagem e, numa das cenas, ela tinha que estar com alface no dente, causando risada no meu personagem e no da Lilia (que faz minha mãe). Foi hilário ter que refazer a cena várias vezes com ajuda da moça da caracterização ajudando com o ‘verdinho’ no dente dela. As gargalhadas da cena são reais”, revelou.

“Eu sempre curti ficar nos bastidores assistindo às gravações, mesmo das cenas que eu não participava. Sempre fiz isso desde que comecei. Aliás, desde pequeno quando ia assistir minha mãe”, continuou se referindo à Leda Nagle(70). “Ela ficava gravando as entrevistas ou apresentando os telejornais e eu brincando de bonequinho. Um dia, esbarrei num vaso nos bastidores e ele acabou caindo e quebrando, atrapalhando uma gravação da série sob o comando do Alvarenga”.

“Teve uma cena emocionante entre meu personagem e o da Lília (que era minha mãe). Eles faziam as pazes no final do capítulo depois que eles tinham brigado. Foi um momento bonito entre mãe e filho. É legal aproveitar esses momentos pra também ressignificar certas coisas da vida. E esse foi um momento legal que me impactou de um jeito interessante. A cena termina com um ‘eu te amo, mãe’, com muita cumplicidade e parceria entre os dois”, contou ainda sobre um de seus momentos preferidos no making of.

Duda também admitiu que é fã de seu trabalho na série: “Difícil falar o que a gente faria diferente. Mas gosto do que fiz nesse trabalho, não faria nada diferente. Acho que aproveitei bem. Não costumo querer mudar o que já fiz”.

“Eu não faço ideia de como as pessoas vão receber a história”, pontuou o pai de Zoe (2) quando questionado sobre suas expectativas em relação à resposta do público com a reprise. “Mas, espero que as mensagens da série sejam passadas, especialmente sobre a mulher madura e seus dramas no mundo moderno. E esse assunto é muito atual. Espero que as pessoas se sintam comovidas, que traga leveza pro dia das pessoas, porque a gente está precisando disso nesse mundo”.