Revista CARAS
Facebook Revista CARASTwitter Revista CARASInstagram Revista CARASYoutube Revista CARASTiktok Revista CARASSpotify Revista CARAS

Dia das Crianças: Atores contam suas lembranças da infância

Camilla Camargo, Luiza Valdetaro e Nando Rodrigues abrem o baú e mostram fotos de quando eram pequenos

CARAS Digital Publicado em 10/10/2014, às 15h48 - Atualizado em 10/05/2019, às 11h20

Luiza Valdetaro, Nando Rodrigues e Camilla Camargo - Arquivo Pessoal
Luiza Valdetaro, Nando Rodrigues e Camilla Camargo - Arquivo Pessoal

O Dia das Crianças está chegando e vários atores abriram o baú para mostrar fotos de quando eram bem pequenos. Luiza Valdetaro, Nando Rodrigues e Camilla Camargo contaram quais são suas lembranças da infância e mostraram que sua fofura vem de berço!

+ TV CARAS: Bruna Marquezine e vários artistas relembram época de infância

Luiza Valdetaro: "Nasci e cresci em um condomínio na Tijuca onde tinham muitas crianças e éramos unidos. Ganhei muitas amigas que tenho até hoje, e daquelas amigas que você fala quase diariamente, sabe? Foi uma convivência intensa e duradoura que carrego na memória com muito carinho. Lembro que durante alguns anos eu praticamente já acordava de patins nos pés, fazíamos tudo de patins. Pique-pega, polícia e ladrão... Ficamos muito profissas nas rodinhas! Até um braço e uma perna quebrei com essas peripécias (risos). Também lembro que eu ia tanto a piscina que no final das férias de verão sempre acabava com o meu cabelo verde de tanto cloro e mais morena que a Globeleza! Sim, por incrível que pareça, minha descendência italiana me deixa ficar morena e não vermelha! Enfim... Brinquei muito e me diverti muito". 

Nando Rodrigues: "Na minha infância era sempre uma festa. Principalmente quando conseguíamos reunir a família toda, todos os primos, tios... Geralmente íamos para fazenda ou para nossa casa em Serra Negra, interior de  São Paulo".

Camilla Camargo: "Tenho muitas lembranças boas da minha infância. Quando ia para Goiânia adorava subir nas árvores da casa da minha avó e brincar com meus primos. Sempre fui muito moleca, e tive até que colocar joelheira nos uniformes da escola porque sempre chegava em casa com a calça rasgada. Jogava futebol de latinha com os meninos, gostava de bater figurinha e de ficar na rua até tarde jogando taco, pique bandeira e brincando de pega pega de patins. Minha diversão sempre foi essa, brincar muito, ter vários amiguinhos... Era uma magrela que não parava".