Revista CARAS
Facebook Revista CARASTwitter Revista CARASInstagram Revista CARASYoutube Revista CARASTiktok Revista CARASSpotify Revista CARAS
TV / Polêmica

Danilo Gentili tira sarro após ser condenado à 6 meses de prisão por injúria contra deputada federal

O humorista fez vários comentários em seu Twitter tirando sarro de sua condenação

CARAS Digital Publicado em 10/04/2019, às 22h58 - Atualizado às 23h00

Danilo Gentili - Instagram/Reprodução
Danilo Gentili - Instagram/Reprodução

Danilo Gentili teve uma infeliz notícia nesta quarta-feira, 10. O apresentador do The Noite ficou sabendo que foi condenado pela Justiça à seis meses e vinte e oito dias de prisão, em regime semiaberto, por injúria contra crime de injúria praticado contra a deputada federal Maria do Rosário Nunes, do Partido dos Trabalhadores do Rio Grande do Sul.

O caso ocorreu em 2016, quando publico mensagens ofensivas à política em sua rede social. Na ocasião, ele tratou à deputada com adjetivos como "nojenta", "falsa" e "cínica".

Após saber de sua condenação, o comediante usou seu Twitter para tirar sarro. Ele compartilhou uma matéria sobre o assunto e acrescentou: "Quem vai me levar cigarro?". Depois compartilhou outra notícia e mencionou o juíz Sérgio Moro. "Pô, Moro, me ajuda aí irmão. Fico devendo uma".

Gentili publicou um cartum em que ele aparece rindo na frente de um juíz e brincou de novo: "Não me levem cigarros, por favor. Levem charutos."

Desde a viralização da notícia, o humorista vem publicando e retweetando brincadeiras tirando sarro do assunto ou falando sobre a injustiça de sua condenação. Ele também mandou uma mensagem à deputada: "Ei Maria do Rosário, me ajude aqui. Prender não adianta nada. Sou apenas uma vítima da sociedade."

Nesta semana, Danilo se envolveu em mais uma polêmica após arrumar briga com a dançarina Thais Carla. Após ela compartilhar um vídeo em seu canal do YouTube relatando as dificuldades que uma pessoa gorda tem durante uma viagem de avião, o comunicador fez um comentário e foi acusado de gordofobia.