Revista CARAS
Facebook Revista CARASTwitter Revista CARASInstagram Revista CARASYoutube Revista CARASTiktok Revista CARASSpotify Revista CARAS
TV / Estreia!

Dando protagonismo aos idosos, 'Família Paraíso' promete humor e conscientização

Contando com Leandro Hassum, Cacau Protásio e grande elenco, Família Paraíso entrega humor e emoção na medida certa para crianças, adultos e idosos

Valentina Rosa Publicado em 30/05/2022, às 13h50

Dando protagonismo aos idosos, 'Família Paraíso' promete humor e conscientização - Carolina Demper/Divulgação Multishow
Dando protagonismo aos idosos, 'Família Paraíso' promete humor e conscientização - Carolina Demper/Divulgação Multishow

Na noite desta segunda-feira, 30, estreia no Multishow o mais novo programa humorístico da casa, Família Paraíso, que se passa em um lar de idosos super bem-humorado e divertido. 

No elenco, Leandro Hassum (48), Cacau Protásio (46), Viviane Araújo (47) e Paulinho Serra (44) dão palco para os verdadeiros protagonistas da trama: os idosos, que na série são vividos por grandes nomes do humor, entre eles Artur Kojl (73), Ataíde Arcoverde (67), Cosme dos Santos (66), Flavio Belini, Guida Vianna (67), Teca Pereira (69) e Silvo Mattos (79). 

Na última semana, todos eles se reuniram com a imprensa para falar da estreia da série que promete um mix de humor, emoção e conscientização sobre a terceira idade. 

Para Hassum, estar no Multishow, pela primeira vez, contando justamente essa história, é muito gratificante: "Eu sempre tive muita vontade de trabalhar junto ao Multishow, até por eu me identificar muito com o humor, com essa leveza do humor. Como eu sou um cara que vivo do riso, adoro poder levar o riso para dentro da casa das pessoas, eu sempre achei que fazia falta meu rosto estar no Multishow, ao lado de tantas feras, de tantas pessoas incríveis. Agora, estar entrando, em um projeto tão especial, que é o Família Paraíso, onde eu estou cercado de talentos, de atores já tão consagrados, com uma bagagem tão bacana, com histórias de vida tão diferentes, com características de atuação tão diversas... Isso está sendo muito mágico!"

Contando a história de idosos em uma casa de repouso, o elenco da terceira idade consegue mostrar muito o seu talento. Para Ataíde, ter uma série voltada para esse público é de extrema importância: "É simplesmente maravilhoso estar nesse projeto! Eu já venho fazendo personagens da terceira idade em outros projetos. Mas fazendo a Família Paraíso, eu estou fazendo eu, o meu tempo, a minha idade, a minha transição, o que eu estou vivendo agora. É uma vivencia maravilhosa, com outros amigos da minha idade e a gente tem algo muito parecido. Eu estou muito feliz! Eu acho que a gente vai conscientizar a população da terceira idade que a possibilidade de felicidade é impar, ela depende da gente, da gente querer viver!"

"Eu acho que o que é bacana no nosso seriado é mostrar uma terceira idade que está querendo viver. A gente tem a tendência a achar que o idoso está sempre precisando ser cuidado, mas muitas vezes o idoso só está querendo se divertir, só está querendo a liberdade dele.", continuou Hassum, enquanto Guida completou: "Eu acho que o programa mostra o idoso de uma forma muito jovial, muito alegre. Cada um, cada personagem, tem o seu interesse. Eu acho que cada um, com sua caracteristica, vai mostrar um tipo de idoso diferente.". 

Teca ainda reforçou a importância de ter um programa que dá protagonismo ao idoso, visto que hoje em dia, isso é pouco falado e divulgado: "Existem programas infantis, existem programas adolescentes, adultos. Essa é a oportunidade, inclusive para os atores e atrizes de mais idade. É uma oportunidade impar. Porque não existe, não se viu ainda um programa feito especialmente por idosos e para idosos e não idosos. Esse é o grande mood da família Paraíso, a jovialidade está em cada um ali. Vai ser um boom. Vai ser super importante esse respeito que os jovens vão ver.". 

A série também será transmitida na TV Globo, com estreia em outubro desse ano. Para eles, a linguagem da série para a TV fechada e aberta não tem muita diferença, já que eles procuram um humor para toda a família. "Quando a gente pensou esse programa, apesar da gente ter horários diferentes, é um programa que é pra ser democrático mesmo, nesse lugar que a gente quer botar a família toda sentada pra assistir e que o vovô, a vovó, o filho, o neto, se identifiquem, se cutuquem.", revelou Leandro. 

Cacau ainda lembra que ter pessoas mais velhas no elenco lhe trás um grande aprendizado: "Pra mim é um presente trabalhar com várias feras. Com uma galera que tem uma bagagem maior que a minha! É um aprendizado diário. Como atriz, é muito maravilhoso fazer outro personagem, contar outra história. Pra mim é muito maravilhoso poder contar essa história, com essas pessoas tão maravilhosas que eu já admirava e admiro.".

"A arte de atuar tem isso, não tem hora pra se aposentar, é até o último suspiro da vida! É um presente pra gente estar atuando com pessoas tão legais. Espero que ainda possa ter milhares de temporadas com essa galera.", completou Paulinho.

Por fim, Leandro Hassum garantiu que o público vai se identificar, se emocionar, dar boas gargalhadas e ainda se conscientizar sobre os idosos: "Eu gosto de fazer humor de identificação. Esse braço do Multishow, vem com essa função mesmo, de trazer esse humor de fácil acesso, de fácil identificação, onde você senta, ri, se diverte. E o nosso programa ainda tem um plus que é de trazer uma mensagem. As nossas histórias são sim engraçadas, são divertidas, são esquetes, tem aquilo que o público espera de um humorístico do Multishow, mas também tem uma moral da história, tem um porque, tem uma explicação, uma sensibilidade. A gente vai tirar muita risada, mas vai emocionar muitas pessoas.".