Revista CARAS
Facebook Revista CARASTwitter Revista CARASInstagram Revista CARASYoutube Revista CARASTiktok Revista CARASSpotify Revista CARAS
TV / surpreendente

Comportamento de Najila Trindade durante entrevista é mostrado e é surpreendente

Entrevista de Najila Trindade para Roberto Cabrini tem bastidor divulgado e comportamento da modelo surpreende

CARAS Digital Publicado em 07/06/2019, às 16h06 - Atualizado às 16h38

Modelo chorou muito e até se irritou com certas perguntas - Reprodução/SBT
Modelo chorou muito e até se irritou com certas perguntas - Reprodução/SBT

Roberto Cabrini foi o primeiro jornalista a conseguir falar com exclusividade com a suposta vítima de estupro de Neymar Jr., Najila Trindade.

Ao longo de semana, o "Fofocalizando" divulgou partes inéditas da entrevista. E nesta sexta-feira, 07, o programa mostrou alguns momentos dos bastidores da gravação.

As imagens mostraram o comportamento da modelo, que chorou e até se incomodou com algumas perguntas. Ao ser questionada sobre como teria sido o episódio de estupro, Najila disse. "Não quero falar sobre isso", disparou.

Insistindo, Cabrini explicou que ela precisaria dizer como foi para dar veracidade ao seu discurso. Um pouco convencida, a modelo contou em poucas palavras. "Foi tudo muito rápido, foi questão de segundos e me retirei", relembrou.

Logo em seguida, ela bebeu água e declarou. "Foi um trauma, você entende? Foi um trauma", repetiu angustiada. 

Em meio a uma pergunta e outro, Najila se mostrou muito incomodada, principalmente por não ter se alimentado. "Mas agora eu preciso realmente comer", respondeu ao ser questionada sobre a facada no ex-marido.

Ainda sobre o acontecimento, primeiramente a modelo negou ter agredido o pai de seu filho, depois voltou atrás. "Não, não vou mentir é verdade eu usei", esclareceu.

Em certo momento, ao ser interrompida pelo jornalista a modelo o cortou. "Não terminei de falar ainda", disparou. Em outro, ficou extremamente incomodada e compartilhou o que sente. "Eu sinto um julgamento através das câmeras", falou chateada sobre não ter aceitação de sua versão da história.

Ao fim ela declarou que espera justiça e terminou com a cabeça baixa, mãos no rosto e aos prantos.

APROVEITE E CONFIRA:

COPA DA MUNDO FEMININA: 6 CURIOSIDADES SOBRE O EVENTO!​