TV Luta

Com câncer de mama, Ana Furtado dá show de confiança: ''Minha cura é inevitável''

sábado 7 julho, 2018
Ana Furtado
Ana Furtado Reprodução / Instagram


A apresentadora está passando por sessões de quimioterapia

Diagnosticada com câncer de mama, Ana Furtado tem utilizado suas redes sociais para inspirar suas seguidoras.

A apresentadora deu uma aula de confiança e autoestima neste sábado, 7. 

Após terceira sessão de quimioterapia, Ana declarou: "Parece loucura mas o câncer tem algo a ensinar. Basta você estar mais atento e saber como ouvir o que ele está tentando lhe dizer. Em um primeiro momento apenas me perguntava o que era possível fazer para curar o meu câncer. Hoje, após minha terceira sessão de quimioterapia, me faço outra pergunta: o que o câncer está me dizendo sobre como curar a minha vida? Aprender com a doença e mudar a minha vida (para melhor) por causa dela. Não busco causas e nem me culpo por nada. Seria injusto comigo nesse momento tão delicado. Aceito, aprendo e batalho por dias melhores com muita fé em Deus. A minha cura é inevitável!".

Sempre bela, a apresentadora recebeu inúmeras mensagens de apoio. "Você é uma guerreira, sua linda. Rezando por você!", escreveu uma fã. 

"Guerreira, força e fé", declarou uma internauta. 

MUDANÇA

Apesar de se manter animada, a morena vem sofrendo um pouco com os efeitos colaterais da medicação. "Dá um pouco de cansaço e fadiga, mas faz parte, jogo que segue. Amanhã eu vou estar melhor", garantiu ela.

Sempre preocupada com a saúde, Ana revelou que teve que diminuir a intensidade de seus treinos"Os médicos não apenas não proíbem como também incentivam a prática de atividades físicas, mas é claro que as pessoas são únicas e os organismos respondem de forma distinta a diferentes tratamentos. Então, a primeira coisa é: consulte seu médico. A minha rotina está mais leve. Não é recomendado se exercitar à exaustão porque isso pode vir a comprometer a imunidade e, por consequência, deixar o organismo mais exposto a possíveis infecções", esclareceu ela.

"A atividade física me estimula, me faz sentir viva e está contribuindo para reduzir os efeitos colaterais da quimio e o risco de depressão – muito comum em pacientes em tratamento contra o câncer. Um dos efeitos colaterais é a fadiga. De acordo com o Instituto Nacional de Câncer dos Estados Unidos, entre 72% e 95% dos pacientes são afetados por esse cansaço extremo, que pode resultar na diminuição significativa da qualidade de vida. Estudos mostram que a prática diária de exercício pode diminuir a intensidade desse sintoma em até 50%. Assim, sigo com minha rotina de exercícios, respeitando os limites do meu corpo, e com acompanhamento médico constante!", finalizou ela. 

por CARAS Digital
Atualizado segunda 9 julho, 2018 (303917)

Mais conteúdo sobre:

TV CARAS

ÚLTIMAS NOTÍCIAS

  1. 1 Gloria Pires encanta a web ao compartilhar clique raro com Cleo e fazer bela declaração Gloria Pires compartilha clique raro com Cleo e se declara
  2. 2 Fabio Assunção surge sem camisa esbanjando boa forma e choca
  3. 3 Angélica usa a mesma fantasia que a filha no Carnaval
  4. 4 Giovanna Ewbank e Bruno Gagliasso levam os filhos em peça
  5. 5 Marília Mendonça comemora 2 meses do nascimento de Léo