Revista CARAS
Facebook Revista CARASTwitter Revista CARASInstagram Revista CARASYoutube Revista CARASTiktok Revista CARASSpotify Revista CARAS

Cássia Kis fica frente a frente com seu mestre budista e se emociona: 'O maior presente que eu poderia ter ganhado'

Atriz disse que redescobriu o budismo em um momento de grande dificuldade e emocionou Fátima Bernardes no 'Encontro'

CARAS Digital Publicado em 21/06/2017, às 11h50

No ar, Cássia Kis se emociona ao falar de sua fé - Reprodução TV Globo
No ar, Cássia Kis se emociona ao falar de sua fé - Reprodução TV Globo

A atriz Cássia Kis viveu um momento de profunda emoção no Encontro com Fátima Bernardes desta quarta-feira, 21.

Ela esteve frente a frente com o mestre budista Lama Michel Rinpoche, seu guia espiritual.

"Hoje é um dia de muita generosidade, de muita luz para mim porque eu tô no teu programa ao lado do meu mestre. Uma pessoa que eu há três anos me lembrei dele, estava num momento muito difícil de profunda tranformação e eu precisava de ajuda, eu procurei por ele, procurei na internet", disse ela.

A atriz seguiu emocionada. "Quando eu vi ele já estava dentro da minha casa. Eu sempre precisei de referência, sempre procurei uma liderança, sempre procuro um mestre, alguém que me ajudasse a varrer o meu caminho, é como se eu olhasse para esse caminho e precisasse de alguém para dar a mão e me guiar", revelou.

Segundo Cássia, tudo mudou em sua vida. "Eu respiro melhor, eu busco me relacionar melhor, eu busco me corrigir, não perder a oportunidade. Nesse momento eu tô profundamente emocionada de saber que estou diante do meu mestre. Nos meus quase 60 anos este é o maior presente que eu poderia ter ganhado", disse ela que se curvou diante do mestre antes de ir às lágrimas. A apresentadora Fátima Bernardes consolou a atriz.

Ao fim, o mestre explicou a relação próxima com a estrela global. "É uma relação em que a gente confia e é confiado, tem uma base de muito amor que é baseado no desejar a felicidade independente de qualquer coisa. Isso traz uma plenitude muito especial", disse