Revista CARAS
Facebook Revista CARASTwitter Revista CARASInstagram Revista CARASYoutube Revista CARASTiktok Revista CARASSpotify Revista CARAS
TV / Polêmica

Carlinhos Silva, ex-Pânico, está sendo procurado pela polícia; entenda

Humorista ex-integrante do Pânico, Carlinhos Silva, está foragido; entenda

CARAS Digital Publicado em 12/09/2019, às 15h41 - Atualizado às 16h32

Carlinhos Silva - Reprodução/Instagram
Carlinhos Silva - Reprodução/Instagram

O humorista que fazia o personagem do Mendigo no programa Pânico na TV, Carlinhos Silva, está foragido e sendo detonado nas redes sociais.

De acordo com o Balanço Geral, da Record, o motivo de Carlinhos estar na mira das autoridades é por estar devendo pensão à assistente de palco Aline Hauck, com quem tem um filho,Arthur Henrique.

O programa também estimou que a dívida está em torno de R$680 mil. 

No ano passado, o humorista havia falado ao Câmera Record que não tinha intenção de pagar a pensão. “Se for para ser preso, eu vou, mas não vou mais pagar pensão para não ver meu filho. Não tenho medo de cadeia. Criança virou um bem, cara. Mesmo se eu tivesse dinheiro, não iria pagar, a não ser que ela pague o tempo que perdi com meu filho”, desabafou.

Na época, um mandado de justiça chegou a ser expedido contra o ex-Pânico. “Ser pai é básico. Meu filho nasceu e desde o primeiro mês fui na casa de Aline e me propus a pagar pensão de R$3 mil. Ela não aceitou. Me coloquei a disposição. Depois de um tempo recebi um mandato”, contou ao Fofocalizando.

No aniversário de Arthur, em julho, ele fez uma postagem desejando parabéns ao menino e lamentou não poder estar com o filho. “Mais um ano que não verei o meu filho nem poderei dar um abraço nessa data especial. Afinal, lá se vão 8 meses sem poder vê-lo Todo ano a história se repete. Agradecimentos a todos envolvidos ao afastamento e atitude covarde da não permissão de um pai viver saudavelmente com o próprio filho, Por puro ego, orgulho e ganância, que os corroem em forma de ódio, vingança e arrogância”, escreveu. 

Os internautas caíram matando na publicação. “Paga a pensão do seu filho, safado! Vira homem, bandido”, escreveu um. “Se pagar a pensão, quem sabe poderá conviver com seu filho?”, questionou outro.