CARAS Brasil
Busca
Facebook CARAS BrasilTwitter CARAS BrasilInstagram CARAS BrasilYoutube CARAS BrasilTiktok CARAS BrasilSpotify CARAS Brasil
TV / CHOROU!

Bruna Marquezine chorou ao relembrar história de menina cega que a ajudou

Ao relembrar a história de Duda, menina cega que a ajudou na preparação de sua personagem em América, Bruna Marquezine se emocionou

Duda, Bruna Marquezine, Gabriel em América, da Globo - Foto: Divulgação/Globo
Duda, Bruna Marquezine, Gabriel em América, da Globo - Foto: Divulgação/Globo

Em 2018 a atriz Bruna Marquezine (28), participou do quadro Caso Verdade, do extinto programa Vídeo Show, na Globo e chorou ao relembrar a história que viveu com Duda (28), sua colega de cena na novela América.

Muita gente sabe que a estrela brasileira de Besouro Azul fez parte de inúmeras novelas da Globo desde os 7 anos de idade, mas o que nem todo mundo se lembra, é que a atriz já viveu uma criança com deficiência visual, a Flor, na trama de Glória Perez (75).

Sua personagem tinha uma melhor amiga, Duda, deficiente visual na trama e na vida real. Antes de iniciarem as gravações, Duda passou três meses ensinando Bruna a interpretar uma criança cega e isso resultou em uma amizade na época.

No quadro Caso Verdade, Duda apareceu com 22 anos de idade e falou um pouco sobre como estava a sua vida, a moça ainda contou a importância que a novela teve em sua trajetória: “Eu me via na Flor. Cada um de nós tem uma forma de ver o mundo e eu tento ver de uma forma positiva. Eu estudei, curso Biologia na faculdade, faço licenciatura. Hoje eu realizei muitos sonhos na minha vida.”

Duda emociona Bruna Marquezine em quadro do Vídeo Show
Foto: Reprodução/Globo

Bruna se emocionou ao ver a amiga do passado: "Fico feliz em saber que ela continua vendo o mundo de uma forma bonita. Sempre foi uma inspiração para mim e é tão bonito... Todo mundo acha que enxergar é uma barreira, mas via que minha visão era uma barreira. Duda é superação, fé, esforço."

E, mandou um recado de saudade para Duda: "Duda, saudade enorme de você, da sua mãe! Você me ensinou a comer, a andar, tudo de novo (...) Fico orgulhosa de ver você trilhando sua vida."