Revista CARAS
Facebook Revista CARASTwitter Revista CARASInstagram Revista CARASYoutube Revista CARASTiktok Revista CARASSpotify Revista CARAS

Briga entre irmãos é tema principal da nova novela 'Amor à Vida'

Paolla Oliveira e Mateus Solano vivem Paloma e Felix, dois irmãos muito diferentes: ela é boa e sofredora, já ele é malvado e interesseiro. Veja a análise do especialista e relembre os irmãos inimigos!

Luiza Camargo Publicado em 19/05/2013, às 16h01 - Atualizado em 10/05/2019, às 11h20

Felix e Paloma: irmãos rivais em novela das 21h - TV Globo
Felix e Paloma: irmãos rivais em novela das 21h - TV Globo

Amor à Vida, novela das 21 que começa nesta segunda-feira, 20, tem como tema principal a disputa de dois irmãos pelo hospital da família. Paola Oliveira vive a protagonista Paloma, uma moça boa, que sofre ao ser renegada pela mãe Pilar, interpretada por Susana Vieira, e por ter perdido sua filha recém- nascida. Mateus Solano é o irmão malvado Felix. Invejoso e mimado pela mãe, o vilão terá a coragem de jogar a sobrinha em uma lata de lixo.

Todavia, essa já é uma trama antiga no universo das novelas. Há décadas a luta entre um irmão bom e outro mal domina as produções televisivas e é retratada de diferentes formas. Em Mulheres de Areia, novela que teve duas versões, uma em 1973, com Eva Wilma, e outra em 1993, comGloria Pires, contava a história de duas irmãs gêmeas: a boa Ruth e a malvada Raquel.  Em Paraíso Tropical e Insensato Coração, ambas de Gilberto Braga, a existência de dois irmãos completamente diferentes também era a história principal. Na primeira, Alessandra Negrini deu vida à trambiqueira Thaís e a boazinha Paula. Já em Insensato, Gabriel Braga Nunes era o mau-caráter Léo, que só queria destruir a vida do irmão Pedro, papel de Eriberto Leão.

Segundo Claudino Mayer, doutor em ciências da comunicação e teledramaturgia da ECA-USP, a luta entre irmãos é sempre abordada nas novelas por ser um assunto de interesse da família brasileira: “ essa rivalidade entre irmãos é uma temática atemporal. Esse conflito, independente da época vai sempre existir. Todo mundo se identifica com essas brigas, é a realidade da família brasileira. Quem nunca brigou com o irmão? Essa identificação que conquista o telespectador.

Tatá Werneck agarra Gusttavo Lima em gravação de ‘Amor à Vida’

Tatá Werneck brinca com a beleza de Paolla Oliveira

Todavia, ele enfatiza que o excesso de maldade por parte de Félix é uma técnica que o autor utilizou para conquistar e fidelizar esse público: “jogar a sobrinha no lixo é muita maldade, isso não é comum nem aceitável. É um recurso chamado melodramático, que tem como função emocionar e fazer chorar o público. É muito interessante essa abordagem, ela exige uma reflexão do público sobre o personagem”.

Além disso, a novela de Walcyr Carrasco traz uma novidade: um vilão principal nasculino. Fina Estampa, Avenida Brasil e Salve Jorge, as última três tramasdo horário nobre, apresentaram, como vilão principal, três mulheres: Thereza Cristina, Carminha, Lívia e Wanda. Agora é a vez de Félix, um homossexual não assumido, que deseja administrar o hospital e a herança do falecido pai, César (Antonio Fagundes), e destruir a vida da boazinha irmã Paloma.

  Relembre as disputas dos irmãos das novelas na galeria acima!