Revista CARAS
Facebook Revista CARASTwitter Revista CARASInstagram Revista CARASYoutube Revista CARASTiktok Revista CARAS

Autora de 'Sete Vidas', Lícia Manzo avalia suas tramas: 'A família é a matriz de todos nós'

Convidada do 'Ofício em Cena', Lícia Manzo conta que não vê fórmula para o sucesso e que é preciso correr riscos

CARAS Digital Publicado em 15/09/2015, às 13h02 - Atualizado em 10/05/2019, às 11h20

Lícia Manzo no 'Ofício em Cena' - Divulgação TV Globo
Lícia Manzo no 'Ofício em Cena' - Divulgação TV Globo

Depois de dois grandes sucessos, as tramas das seis Sete Vidas (2015) e A Vida da Gente (2012), Lícia Manzo conversa com Bianca Ramoneda no Ofício em Cena, programa do canal Globo News, que vai ao ar nesta terça-feira, 15.

+ Isabelle Drummond e Jayme Matarazzo levam 'Sete Vidas' a Portugal

Conhecida como a sucessora de Manoel Carlos, ela explicou que as tramas familiares são sua preferência.“A família é a matriz de todos nós. O indivíduo só pode ser compreendido no seu contexto familiar. É ali que vai delinear suas primeiras relações com o mundo”, explica a autora.

A autora também não acredita que exista uma fórmula pronta para o sucesso. “O desafio é primo do risco. Toda inovação é fruto da ousadia, não da adaptabilidade”, revela.

Lícia também explicou como procura compor os personagens de suas tramas. “O ser humano é tão complexo que acho que ele mesmo alterna o vilão, a pessoa mais nobre, a mais burra, a mais iluminada e momentos de baixeza e mesquinhez com momentos de generosidade. Essa mistura é o ser humano e é tão mais rico dramaturgicamente se valer dessa paleta para desenhar um grupo de personagens, em vez de enfiar uma seta neles: 'esse é bom, esse é mau'”, acredita.

O Ofício em Cena vai ao ar nesta terça-feira, 15, às 23h30, na GloboNews.