Revista CARAS
Facebook Revista CARASTwitter Revista CARASInstagram Revista CARASYoutube Revista CARASTiktok Revista CARAS
TV / Luta!

Antes de falecer, Mila Moreira enfrentou síndrome do pânico desde a infância

Atriz e ex-modelo Mila Moreira, falecida nesta semana, enfrentou a síndrome do pânico desde muito nova

CARAS Digital Publicado em 07/12/2021, às 12h01 - Atualizado às 12h27

Mila Moreira enfrentou síndrome do pânico desde a infância - Divulgação/TV Globo
Mila Moreira enfrentou síndrome do pânico desde a infância - Divulgação/TV Globo

A atriz e ex-modelo Mila Moreira, de 75 anos de idade, faleceu nesta última segunda-feira, 6, em um hospital do Rio de Janeiro.

De acordo com uma pessoa próxima da famosa, ela morreu depois de passar mal e sofrer uma parada cardíaca após realizar uma viagem com amigos para Paraty.

Em entrevistas antigas, a artista afirmou que ela enfrentava a síndrome do pânico desde sua infância. “Nasci com o pânico. Quando era estudante de um colégio interno, lembro das professoras chamando a minha mãe (Ilda, já falecida) achando que eu ia morrer. Foi braba a minha infância por causa disso”, contou ela há alguns anos para a revista Época.

"Cheguei a pesar 48 quilos. Só quem passa por isso, sabe. Há 30 anos estou medicada, bem, e falo isso para alertar as pessoas: estou muito mais feliz e leve".

O corpo de Mila Moreira será cremado nesta terça-feira, 7, no Cemitério Memorial do Carmo, no Rio de Janeiro. 

SUCESSO NAS NOVELAS

Na telinha da Globo, Mila Moreira atuou em muitas tramas de sucesso, como Elas por Elas, Corpo a Corpo, Que Rei Sou Eu?, Meu Bem, Meu Mal, Paraíso Tropical e Ti Ti Ti. O último trabalho da famosa no canal foi em A Lei do Amor, trama de 2016 em que viveu a personagem Gigi.