Revista CARAS
Facebook Revista CARASTwitter Revista CARASInstagram Revista CARASYoutube Revista CARASTiktok Revista CARASSpotify Revista CARAS

Amor à Vida: Félix vai chantagear Pérsio e Rebeca para ficar na presidência do hospital

Félix descobre que Pérsio e Rebeca estão namorando escondido. O vilão decide chantagear o primo, que é dono de 10% do Hospital San Magno, para conseguir ficar na presidência

CARAS Online Publicado em 27/09/2013, às 10h50 - Atualizado em 10/05/2019, às 11h20

Félix vai chantagear Pérsio e Rebeca - Divulgação/ Globo
Félix vai chantagear Pérsio e Rebeca - Divulgação/ Globo

Félix (Mateus Solano) vai descobrir que o palestino Pérsio (Mouhamed Harfouch) e a judia Rebeca (Paula Braun) estão namorando em segredo. O relacionamento vai acabar sendo mais do que útil para o vilão, que irá começar uma disputa com César (Antônio Fagundes) pela presidência do Hospital San Magno nos próximos capítulos.

Pérsio é dono de 10% do hospital junto com sua mãe, Priscila (Cristina Mutarelli), que é irmã de César. Depois que Pilar (Susana Vieira) conseguir metade de tudo que o ex-marido tem no processo de divórcio, ela se tornará dona de 40% do hospital – César ficará também com 40%, enquanto Atílio (Luís Mello) e o doutor Lutero (Ary Fontoura) continuam com 5% cada.

Sendo assim, Pérsio, Priscila, Atílio e Lutero serão decisivos na briga entre Félix e César, que vão fazer de tudo para conseguir o apoio deles.

+ Amor à Vida: Pilar vence César na Justiça e Félix assume a presidência do hospital

Quando Félix descobre que Pérsio está namorando Rebeca, ele decide usar isso a seu favor. Acontece que o avô de Rebeca é um antigo rabino que nunca aceitaria ver a neta namorando um palestino. A família da médica podem até tirá-la do hospital se descobrirem o relacionamento dela. O vilão, então, ameaça o casal para conseguir apoio dos 10% que Pérsio representa.

Em tempo, Priscila vai pegar o filho no flagra com a médica judia. No primeiro momento, ela ficará em choque, mas acaba fazendo vistas grossas à situação quando percebe que Pérsio desistiu de voltar à Palestina só por causa de Rebeca. A mãe fica feliz que o filho irá continuar trabalhando no hospital e o apoia.