Revista CARAS
Facebook Revista CARASTwitter Revista CARASInstagram Revista CARASYoutube Revista CARASTiktok Revista CARAS

Marcos Paulo e Flávia Alessandra apoiam a estreia da filha em musical

Como a leoazinha Kiara, garota estreia no teatro e comove os pais com Marcos Paulo e Flávia Alessandra talento e determinação

Redação Publicado em 31/07/2012, às 11h31 - Atualizado em 01/08/2012, às 01h55

Com Miguel, neto de Marcos Paulo no colo, Flávia Alessandra e o ex paparicam a herdeira após a apresentação do musical Rei Leão II. - Néstor Beremblum
Com Miguel, neto de Marcos Paulo no colo, Flávia Alessandra e o ex paparicam a herdeira após a apresentação do musical Rei Leão II. - Néstor Beremblum

Alonga trajetória artística do ex-casal Flávia Alessandra (38) e Marcos Paulo (61) não serviu para controlar a ansiedade de ambos em um momento especial na vida: a estreia profissional da filha, Giulia Costa (12), no teatro. Pouco antes de a menina atuar no musical infantil Rei Leão II – O Ciclo da Vida Continua, no Rio, eles mostravam-se inquietos. “Sempre rola um quase pânico. O coração está mexido, afinal, participei de todo o processo com ela e a equipe”, justificou Flávia. “Estou mais nervoso do que a Giulia”, admitiu Marcos, ao lado da mulher, Antonia Fontenelle (39), e do neto, Miguel (2). O garoto é filho de Mariana Simões (31), do casamento do diretor com a atriz Renata Sorrah (65).

Mas foi só Giulia subir ao palco para comprovar que o DNA da arte está no sangue. Ela encantou ao demonstrar segurança e desenvoltura para viver a leozinha Kiara na infância, papel que revezará com Luna Galera (7), sobrinha de Deborah Secco (32). No fim do espetáculo, foi aplaudida de pé. “Sinto uma emoção forte. Para mim, é um ‘revival’. Flavinha atuou a vida toda e agora ver essa continuidade é muito lindo”, afirmou a avó materna, Rachel (64), ao lado do marido, Hélio Costa (76). Toda a família vestia camisa com os dizeres Keep Calm (mantenha a calma) e Hakuna Matata, frase do filme Rei Leão, que significa ‘Não Há Problemas’. “Jujuba deu conta do recado direitinho, ainda mais em uma estreia, com toda a cobrança em cima dela. Então, bato palmas”, disse Flávia, que levou ainda a caçula, Olívia (1 ano e 9 meses), da união com o ator Otaviano Costa (39), que não pôde comparecer por estar viajando a trabalho. Animada com a sintonia de suas meninas, Flávia contou que não descarta aumentar a família. “Ainda tenho vontade. Mas não com a diferença de dez anos que existe entre minhas filhas. Se for mesmo engravidar, vou  providenciar um bebê para ainda ser amiguinho (a) da Olívia”, disse.

Marcos também não escondeu o orgulho com a performance da filha. “Estou surpreso. Achei que Giulia ficaria mexida, mas nem a mãozinha tremeu. Ela vai longe”, constatou ele, que já faz planos para o futuro da menina. “Ela está começando bem, no teatro. Daqui a um tempo, penso em mandá-la estudar em Nova York. Um ator hoje em dia, além de atuar, precisa cantar, sapatear, ser completo. Quero dar à minha filha toda a chance para se preparar e ser a melhor”, revelou o diretor, que, em outubro, inicia na Amazônia as filmagens do novo longa, Sequestrados. “Digo que a Giulia é das minhas. Além de estar começando nos palcos, é kamikaze, de se jogar nos desafios”, emendou Antonia Fontenelle.

Após os cumprimentos, a atriz mirim lembrou o que fez para controlar o nervosismo. “Antes de a peça começar, fui me concentrar dentro de uma das árvores do cenário. Pensei em outras coisas para distrair. Deu certo. Deixei lá dentro toda a ansiedade”, contou, aos risos. O fato de ter pais famosos nunca foi um problema. “Eles passam muitas dicas boas, que me ajudam e vou levar para a vida inteira”, garantiu, sob o olhar coruja da mãe. “Trocamos muitas ideias, mas sempre de forma saudável. É preciso saber conversar com jeito. Afinal, ela é adolescente. E como todas as meninas da idade, às vezes não gosta muito de ouvir conselhos”, divertiu-se a atriz, protagonista de Salve Jorge, trama das 9 com estreia em outubro.

Apesar da euforia, Giulia, que faz aulas de teatro há quatro anos, se mostrou contida ao falar dos próximos trabalhos. “Quando tiver outra oportunidade, se Deus quiser isso vai acontecer logo, vou em frente, desejo progredir. Mas não quero ninguém decepcionado. Por isso, antes de qualquer coisa, vou estudar bastante o papel”, afirmou, ao lado da diretora musical Giselle Prates (32), que atua como a Kiara na fase adulta, e de Nicolas (15), filho de Giselle, intérprete do namorado da personagem de Giulia. Vanessa Giácomo (29), recém-separada de Daniel Oliveira (35), levou o primogênito, Raul (4).