revista União

Petkovic e as emoções das bodas de Ana

Na Sérvia, o ex-craque e apresentador casa a primogênita sem festas

Tainá Goulart Publicado sexta 7 agosto, 2020

Na Sérvia, o ex-craque e apresentador casa a primogênita sem festas
A união de Ana e Dušan, com celebração na igreja e festa, planejadas para setembro, acontece só no civil, com a presença do pai da noiva e da irmã, Ines - Jelena Antic


Um dos maiores ídolos do Flamengo, Dejan Petkovic (48) já passou por muitas emoções ao defender o time carioca em diversas competições. No entanto, como ele próprio diz, nada se compara ao momento de celebrar a união de sua primogênita, Ana (23), com Dušan Zdravkovic (29). “É uma mistura de alegria e emoção muito grande para mim. Porém, na situação atual em que a gente está, com todo esse isolamento, muitas coisas mudaram, como a festa que foi planejada por quase um ano. Fico reflexivo com tudo isso”, revela o ex-jogador, que nasceu na antiga Iugoslávia, atual Sérvia. “Mesmo não tendo toda a família por perto e os amigos, eu e minha mulher nos sentimos realizados”, afirmou Pet, como é carinhosamente chamado no Brasil, casado com Violeta (47), com quem também tem Ines (21).

E foi no Leste Europeu que aconteceu a cerimônia no civil, como conta a noiva. “Apenas meus pais, minha irmã, a mãe do meu noivo e os padrinhos estiveram presentes. Decidimos cancelar a festa de casamento e a cerimônia na igreja em junho, em cima da hora, pois não queríamos colocar ninguém em risco, apesar de várias pessoas terem feito festas de casamentos aqui na Sérvia nos últimos meses”, disse Ana, que escolheu o vestido, elaborado pelo estilista Lorenzo Rossi, o qual usaria no grande dia. Com saia volumosa e um cinto de bordados pelo comprimento com cristais Swarovski e pérolas, a noiva fez a opção por usar o figurino por receio do futuro. “Fizemos fotos como se fosse um conto de fadas e eu me sentindo uma princesa com o meu príncipe! Nós pretendemos casar na igreja no futuro, mas não sabemos se faremos uma festa quando tudo passar. Justamente por isso, eu e o Dušan resolvemos fazer um ensaio fotográfico com a roupa que iríamos usar”, contou ela. Os cliques com a família toda foram feitos dentro de casa, em Niš, e as do casal sozinho foram tiradas pelas paisagens e pontos turísticos da cidade perto de Niška Banja.

O ex-jogador viajou para seu país de origem em férias, mas pretende voltar ao Brasil nas próximas semanas, sem os familiares. “Tivemos todos que nos adaptar com a atual realidade que estamos vivendo. Não é fácil, mas estamos todos nos cuidando bastante, sempre usando máscaras e mantendo a distância”, disse o também apresentador do programa Seleção SporTV, do canal homônimo. Para ele, foi uma pena não poder ter toda a família e os amigos presentes no casamento e não poder comemorar do jeito sérvio. “Na verdade, os brasileiros e os sérvios são bastante semelhantes na vontade de comemorar, mas as festas e as comemorações são um pouco diferentes, como cada país, temos as nossas próprias tradições”, explica o pai da noiva.

Assim como as festas, a lua de mel dos noivos, que seria na romântica Paris, capital da França, foi adiada. “Tudo foi adiado às pressas. Mas eu tenho certeza de que logo, logo, tudo isso vai se acalmar e passar, e vamos fazer a celebração que sempre sonhamos, especialmente em Niš, cidade onde as nossas famílias moram”, diz ela. Aliás, os dois clãs são amigos há anos. “Meu avô era o melhor amigo do pai do meu noivo. Não tinha como a gente não se apaixonar”, brinca Ana.

Último acesso: 27 Sep 2020 - 21:11:58 (359516).

TV CARAS