Revista CARAS
Facebook Revista CARASTwitter Revista CARASInstagram Revista CARASYoutube Revista CARASTiktok Revista CARAS
Revista / União

Paixão sólida e intensa de Tom Veiga e sua Cybelle

Em cerimônia bucólica, o intérprete do Louro José oficializa a união com empresária

Tamara Gaspar Publicado em 04/02/2020, às 15h19 - Atualizado às 15h21

Juntos há um ano e cinco meses, eles oficializam a união diante de amigos e familiares - Jour Béni - Fotografia
Juntos há um ano e cinco meses, eles oficializam a união diante de amigos e familiares - Jour Béni - Fotografia

A atmosfera rústica, bucólica e de romantismo do dia já anunciava: começava ali mais uma história de amor com final feliz, desta vez, para Tom Veiga (46), o intérprete do fiel escudeiro de Ana Maria Braga (70), o Louro José, com a empresária Cybelle Herminio Costa (31), no Recreio dos Bandeirantes, no Rio. “Admiro seu jeito positivo de viver e encarar a vida, sua energia e alegria que contagiam. Cybelle me ensina todos os dias, principalmente o quanto é fácil ser feliz e o como é mágico amar e ser amado”, destacou ele, que admite ter ficado nervoso horas antes das bênçãos e da troca das alianças. “Tom me faz rir o tempo inteiro. Temos uma sintonia fora do comum. Com ele, aprendi a prática e o significado de duas palavras: tempo e fé. Aprendi com ele que devemos confiar, quando confiamos, não há o que temer. Tudo acontece conforme desejamos e, consequentemente, entendo na prática sobre o tempo. Tudo acontece no tempo correto”, apontou a noiva, que colocou em prática a filosofia de vida do amado em pleno dia do casamento. “Uma semana antes, todos os dias estavam chuvosos e eu pratiquei o que ele me ensinou. Confiei e Deus nos deu um dia lindo de sol”, comemorou ela, que emocionou o eleito ao caminhar rumo ao altar. “Ver Cybelle vestida de noiva parecia um sonho”, frisou ele. “Meu nervosismo começou a aparecer quando coloquei o vestido. Aí, a ficha foi caindo”, falou ela.

Juntos há um ano e cinco meses, eles se conheceram em um restaurante da Barra da Tijuca. “Ele estava em uma mesa com amigos e eu em outra com uma amiga. As pessoas começaram a interagir e, de repente, Tom veio até a mesa. Um tempo depois, todos foram embora e nós continuamos lá batendo papo e rindo por horas até sermos expulsos com muita elegância do local”, recordou ela, aos risos. Já o pedido de casamento veio durante festa junina armada por Ana Maria em sua fazenda. A apresentadora do global Mais Você, aliás, não pôde comparecer. A estrela está em tratamento contra um câncer no pulmão. “Desejo que Ana Maria se recupere logo, que passe por esta fase de tratamento. Temos fé nesta certeza, a certeza da cura”, apontou Tom, quando indagado sobre seus desejos para 2020.

Sólido, o amor do casal ganhou ainda mais força após as palavras conduzidas pelo pastor Maurício Fragale. “Não tem segredo nem fórmula, mas tem algumas coisas que funcionam. Nos divertimos juntos, saímos e viajamos muito só os dois, amamos nossa rotina... Ter paciência e fazer terapia ajuda muito!”, elencou Tom, sobre o segredo da união. “Acredito que qualquer relação, seja amorosa, familiar ou de amigos precisa de compreensão e muita paciência. Cada um tem uma criação, uma bagagem e uma forma de agir”, completou Cybelle. Com as famílias já constituídas — ela já é mãe de Pedro e ele também já é pai —, o casal não pensa em ter mais filhos. “Pelo Tom, se eu quisesse ter mais, ele teria, mas eu não quero”, afirmou ela.

Passadas as emoções da cerimônia e da festa, os recém-casados se divertiram ao lado dos 150 convidados em animada festa que contou com apresentação da dupla Matheus Minas e Leandro. Engajado, o casal dispensou presentes. No lugar, investiu em um gesto de solidariedade. “Nós pedimos cestas básicas para famílias carentes”, contou Cybelle. A lua de mel também teve um roteiro fora do habitual. “Faremos uma viagem em família para Orlando e, em seguida, teremos 10 dias nossos. Faremos um cruzeiro por Miami, México, Honduras e Belize”, emendou ela, realizada com a nova fase.