Revista CARAS
Facebook Revista CARASTwitter Revista CARASInstagram Revista CARASYoutube Revista CARASTiktok Revista CARASSpotify Revista CARAS
Revista / Living Design by Monica Barbosa

Living Design: Arquiteta Debora Aguiar dá dicas de como usar coleções na decoração

Confira as sugestões para exibir com elegância as peças de suas coleções!

Redação Publicado em 30/05/2013, às 10h52 - Atualizado em 10/05/2019, às 11h20

Arquiteta Debora Aguiar dá dicas de como usar coleções na decoração - Divulgação
Arquiteta Debora Aguiar dá dicas de como usar coleções na decoração - Divulgação

Estive com a famosa arquiteta Debora Aguiar na edição 2013 da Mostra Black e ela me recebeu para falar do ambiente que criou especialmente para o evento, o “Sky Lounge”. Uma sala feita para um casal de colecionadores de arte que gosta de receber seus amigos e exibir suas peças de maneira despojada.

Aproveitei o assunto do espaço e peguei, para você, algumas dicas de como usar suas coleções pessoais para trazer mais graça na decoração da sua casa.

Segundo Debora é comum as pessoas, desde pequenas, gostarem de colecionar pequenos itens de valor afetivo e que, para criar uma coleção que seja bacana de exibir, vale tudo que nos dê prazer em ter e mostrar, desde miniaturas, caixinhas, potinhos, até obras de arte de maior valor.

A dica da arquiteta para quem deseja exibir seus itens favoritos é agrupar peças similares ou da mesma família em um só lugar. “Com isso você valoriza e realça essa coleção”, diz. 

Debora complementa que “para peças que desejamos dar um maior destaque é legal usarmos uma vitrine e uma iluminação especial que ajudem nessa tarefa”.

E a sugestão da profissional para quem deseja começar uma coleção de arte é investir em gravuras e fotografias que ficam belíssimas usadas na decoração das paredes de qualquer ambiente.

Na galeria de fotos coloquei alguns exemplos de como usar coleções no décor e para quem adora deixar a casa mais bonita, vai gostar de conferir as matérias de decoração do meu portal, www.livingdesign.net.br.