revista Prêmio Multishow

Diversidade da música no Rio

Prêmio Multishow reúne ídolos brasileiros com polêmica

Revista CARAS Publicado sexta 15 novembro, 2019

Prêmio Multishow reúne ídolos brasileiros com polêmica
Ludmilla, de Morena Rosa; Lexa, de Ruy Dos Anjos e Erika Januza, de Lethicia Bronstein - AgNews e Brazil News


Acidade do Rio de Janeiro foi bombardeada com o que há de melhor da música brasileira. Durante a 26ª edição do Prêmio Multishow, grandes estrelas de diversos gêneros se reuniram no palco montado dentro da Jeunesse Arena, na Barra da Tijuca, para celebrar a grandiosidade da cultura nacional e saber os vencedores das 15 categorias criadas. Tudo aconteceu na cerimônia deste ano!

Aplausos, vaias, alfinetadas, muitas lágrimas, apresentações marcantes e a consagração de Ludmilla (24) como Cantora do Ano, categoria em que concorreu com Anitta (26), uma das apresentadoras da noite, pelo segundo ano consecutivo, Ivete Sangalo (47), Iza (29) e Marília Mendonça (24), que está na reta final da gravidez do primeiro filho, fruto da relação com o cantor Murilo Huff (24). “Desculpa a emoção, eu queria agradecer a Deus primeiramente, é um choro de uma luta muito grande e longa que estava preso dentro de mim. Só queria dizer pra todas meninas, mulheres, nunca deixe ninguém falar o que você é, se você tem um sonho lute como uma garota que vai conseguir. Gostaria de agradecer aos meus fãs, minha família e até as vaias. Obrigado pelas vaias, elas me fazem pensar sempre no que eu gostaria ou não que fizéssemos com as pessoas”, discur sou a vencedora, chorando. “As vaias que eu recebi aqui me fazem pensar a pessoa que eu quero ser”, finalizou ela, cuja apresentação foi um medley com seus maiores sucessos.

A emoção veio após ela ser vaiada por parte da plateia ao subir para receber a láurea de Música Chiclete do Ano, por Onda Diferente, que foi motivo de desentendimento entre ela e Anitta, por conta dos direitos autorais do hit com a participação do rapper americano Snoop Dogg (48). “Você é uma mulher negra, gay, periférica. Não é fácil chegar aonde você chegou. Você inspira milhares de pessoas”, disse o também apresentador Paulo Gustavo (41), em sua primeira aparição na TV depois do nascimento dos filhos Romeu e Gael (2 meses), do casamento de quatro anos com o dermatologista Thales Bretas (31).

Com muita desenvoltura, o humorista divertiu os convidados presentes, como Paolla Oliveira (37), Sophie Charlotte (30), Erika Januza (34), Fátima Bernardes (57), Lexa (24), Guilherme Leicam (29), Pedro Carvalho (34) e os casais Nanda Costa (33) e Lan Lahn (51), Gracyanne Barbosa (36) e Belo (45), com várias piadas, porém, a sintonia entre ele e a parceira de palco não estava tão afinada. “Anitta, eu amo estar com você! Amo nossa amizade e estou sempre na torcida pelo seu sucesso. Gostaria muito de agradecer aos meus fãs, que fizeram a noite ser muito especial. Vocês são lindos, generosos e carinhosos demais!”, agradeceu Paulo, que foi surpreendido com uma surpresa e tanto. Um bolo de quatro andares e um Parabéns Pra Você cantado por Preta, Iza, Didi Wagner (44) e o marido, em comemoração ao seu aniversário no dia. “Por questões de segurança, nós resolvemos chamar alguns representantes da multidão de amigos que você tem!”, brincou Iza. “Thales é uma pessoa que eu encontrei na minha vida e que, com essa simplicidade dele, ele me fez fincar os pés no chão, no meio de um turbilhão de coisas. Te amo”, se declarou o aniversariante, emocionado.

No quesito show, Iza e Ivete arrasaram no “carão” e na coreografia ao misturarem seus respectivos hits Brisa e Mainha Gosta Assim. “Eu e ela, com amor e música! Amo estar com esta menina linda e talentosa chamada Iza. O prêmio foi demais”, disse Ivete, que foi à grande noite acompanhada do marido, Daniel Cady (34). “A gente sempre se diverte muito! Que inspiração te ter por perto, mainha! Você é um ser humano de luz!”, respondeu a cantora carioca. Para homenagear a lenda do samba brasileiro Beth Carvalho, que morreu em abril, aos 72 anos, a premiação chamou Diogo Nogueira (38), Zeca Pagodinho (60), Jorge Aragão (70), Teresa Cristina (51), Luana Carvalho (38), filha de Beth, e Pedro Sá (47), cantando os maiores sucessos da homenageada, com Coisinha do Pai entre elas. Outras duplas também agitaram a plateia, como Felipe Araújo (24) e Ferrugem (31), que cantaram a música Atrasadinha, ganhadora da categoria Música do Ano, Gaby Amarantos (41) e Seu Jorge (49), além do grupo Melim e dos cantores Léo Santana (31), Yasmin Santos (21) e Glória Groove (24), responsável pelo número musical final da noite.

Último acesso: 04 Jul 2020 - 18:22:10 (335039).