Revista CARAS
Facebook Revista CARASTwitter Revista CARASInstagram Revista CARASYoutube Revista CARASTiktok Revista CARASSpotify Revista CARAS
Receitas / Gourmet

Sucesso do chef Vitor Sobral

O expert português ensina a fazer aplaudida receita

CARAS Publicado em 20/08/2013, às 20h53 - Atualizado em 10/05/2019, às 11h20

Apaixonado pelo Brasil, ele faz leitura de moqueca de bacalhau em seu restaurante em SP. - Martin Gurfein
Apaixonado pelo Brasil, ele faz leitura de moqueca de bacalhau em seu restaurante em SP. - Martin Gurfein

Referência na gastronomia portuguesa, o chef lusitano Vitor Sobral (47) é um apaixonado confesso pelo Brasil. “Há 22 anos venho para cá para cozinhar e pesquisar”, diz ele, que há dois abriu uma filial de seu famoso Tasca da Esquina, na capital paulista. As visitas ao País renderam ao chef a inclusão de ingredientes regionais em suas receitas. “Me apaixonei por matérias primas como mandioca, palmito fresco, jambu e mandioquinha. Hoje tudo isto faz parte da minha cozinha”, conta ele.

Entre as especialidades de Sobral está a moqueca de bacalhau. “Para esta receita uso 1,5kg de bacalhau em lascas, 500g de palmito fresco picado, 250g de cebola em cubos, 300ml de caldo de bacalhau, 20ml de vinho branco, 50ml de azeite Andorinha Extra Virgem Vintage, 5 dentes de alho picados, 1 colher de sopa de óleo de dendê, 1 colher de chá de sementes de coentro, 1 colher de gengibre picado, sal, pimenta de moinho, 300g de tomate pelado picado, 300g de cebola cortada fininha, 200g de pimentão vermelho cortadinho, 400ml de leite de coco, 100ml de suco de limão, 4 colheres de sopa de coentro picado, 1 colher de sopa de cebolinha picada e pimenta malagueta fresca picada”, detalha o chef. 

Ele, que tem vários livros de culinária publicados, ensinou o modo de preparo. “Como o dendê é muito forte, eu o misturo com azeite. Doure a cebola, o alho e os palmitos. Molhe com vinho branco e caldo. Deixe ferver até que o palmito cozinhe e tempere. Triture no liquidificador, leve de novo ao fogo e adicione o leite de coco. Deixe ferver e junte todos os ingredientes menos o bacalhau e as ervas aromáticas. Confira os temperos e, no momento de servir, junte o bacalhau. Perfume com coentro e cebolinha”, ensina.

Realizado com seus cinco restaurantes, dois em Portugal, um no Brasil e um em Angola, Vitor também ensinou a preparar o caldo de bacalhau, que faz parte da receita da moqueca. “Os ingredientes são 300g de bacalhau com as peles e as espinhas cozido, 2 litros de água, 200ml de vinho branco, 50ml de azeite Andorinha Extra Virgem Vintage, 2 dentes de alho, 1 cebola, 1 folha de louro, salsinha e pimenta preta em grão. Prepare um fundo em azeite com alho e cebola. Junte o bacalhau, deixe suar e refresque com vinho branco. Adicione o louro, a salsinha, a pimenta e a água. Deixe ferver em fogo baixo por 25 minutos, passe-o pelo passador chinês e reserve”, emenda Sobral.