Revista CARAS
Facebook Revista CARASTwitter Revista CARASInstagram Revista CARASYoutube Revista CARASTiktok Revista CARASSpotify Revista CARAS

Fanático pela família real está há 9 dias na frente do hospital onde Kate Middleton dará à luz

Fanático pela família real, Terry Hutt está acampado há 9 dias em frente ao hospital onde Kate Middleton dará à luz

CARAS Online Publicado em 19/07/2013, às 11h20 - Atualizado em 10/05/2019, às 11h20

Fanático pela família real acampa em frente ao hospital - Getty Images
Fanático pela família real acampa em frente ao hospital - Getty Images

O nascimento do primeiro filho de Kate Middleton e do príncipe William está causando uma verdadeira comoção na Inglaterra. Embora grande parte dos ingleses esteja ansioso pelo nascimento do bebê real - algumas mães deixaram inclusive de registrar seus filhos recém nascidos para aguardar e copiar o nome que a duquesa de Cambridge dará ao seu bebê -, um, em especial, tem chamado a atenção da imprensa internacional.

+ Mães deixam de registrar seus filhos recém-nascidos para aguardar nome do bebê real

Trata-se de Terry Hutt, um aposentado de 78 anos que é fanático pela família real britânica que está acampado há nove dias em um banco em frente ao hospital St. Mary, onde Kate Middleton dará à luz seu primeiro filho. Hutt veio de Cambridgeshire e tornou-se uma espécie de atração turística local.

Vestido com um terno estilizado com a bandeira do Reino Unido e com uma foto do casal real, Hutt contou à imprensa internacional que não deixará o local até o anúncio do nascimento do bebê real. "Meu banco é o melhor lugar do mundo, muito confortável, embora algumas pessoas pareçam estar preocupadas com a minha saúde. Toda noite me dão comida e cobertores, mas eu divido tudo com os moradores de rua com os quais fiz amizade", comentou em entrevista à BBC.

+ Kate Middleton pode ter voltado à casa dos pais para passar os últimos momentos da gravidez

Hutt é conhecido na Inglaterra por sua devoção à família real britânica. Quando Kate e William se casaram, em abril de 2011, ele também ficou acampado durante dias em frente a Abadia de Westminster, onde o casamento foi realizado. Naquela ocasião, porém, havia uma data exata para a realização do evento. Agora, Hutt pode ter que esperar por um tempo considerável ainda.

+ O que vai acontecer quando Kate Middleton entrar em trabalho de parto?

De acordo com o jornal Daily Telegraph, fontes ligadas ao hospital informaram que esta sexta-feira, 19, seria o dia previsto para o fim da gestação de Kate. A partir de então, o bebê poderia nascer a qualquer momento, mas a gestação pode se estender até 2 de agosto.