pet POLÊMICA

Luisa Mell é apontada como racista por fãs após falar sobre sacrifício de animais em religiões

Luisa Mell falou sobre a decisão do STF e foi apontada como racista devido a religião

CARAS Digital Publicado sábado 30 março, 2019

Luisa Mell falou sobre a decisão do STF e foi apontada como racista devido a religião
Luisa Mell - Reprodução / Instagram

Conhecida por sua paixão pelos animais, Luisa Mell acabou se envolvendo em uma grande polêmica nesta sexta-feira, 30!

A ativista compartilhou nas redes sociais um texto que fala sobre a decisão do STF de que seria constitucional o sacrifício de animais em questões religiosas. Luisa soltou a voz para falar sobre a aprovação e ainda ressaltou as crueldades que os bichinhos sofrem na sociedade.

“Degolar este inocente cachorrinho, se for em ritual religioso está liberado! Esta foi a triste decisão do STF ontem! Por unanimidade nossos Ministros decidiram que a degola de um animal para fins religiosos não envolve crueldade ou maus tratos. É de uma barbaridade tão grande que nos faz pensar se realmente estamos vivendo um retorno à Idade Média. Não importa a religião ou credo em discussão o foco da Justiça deveria ser a vítima e não o segmento da sociedade que se sente prejudicado por não poder vilanizar essa vítima. Eles só aprovaram esse absurdo porque animais ainda são vistos como coisas ou entes menos importantes que seres humanos. Nada diferente de quando, em um determinado momento da História, alguns humanos justificavam o abuso de outros humanos simplesmente pela diferença em sua cor, religião... Até quando vamos permitir que a degola de um ser vivo seja vista como algo trivial e tranquila? Respeito todas as religiões... dentro de cada uma existe a possibilidade de agradar ao seu superior ( Cada um tem um Deus) de outra maneira sem envolver crueldade, morte... Só me resta pedir perdão aos animais... eu particularmente, me sinto próxima de Deus quando salvo algum animal! Para mim Deus é isso! Amor, compaixão, solidariedade... salvar e não matar!”, desabafou ela.

No entanto, seus seguidores não ficaram contentes com a postura da ativista e revelaram que ela estaria espalhando uma Fake News.

No Twitter, os internautas não perdoaram e detonaram a loira.  “Luisa Mell, a branca loira rica que é o suprassumo do mau caráter, se dói por animais, mas nunca por gente, para completar ainda espalha fake news de que religiões de matriz africana sacrificam animais domésticos“, afirmou uma. “A luta da Luisa Mell é legítima, mas não dá para passar pano para a sua atitude preconceituosa e tendenciosa ao espalhar notícias falsas de que religiões africanas sacrificam animais domésticos, não custa se informar antes Luisa“, acrescentou outro. 

 

Outras questionaram sobre o cachorro ser ou não sacrificados em alguma religião. “Eu gostaria de saber qual o terreiro que Luisa Mell está frequentando para sair afirmando por aí que um cachorro pode ser utilizado em ritual religioso“, desabafou outra.

Recentemente, a loira comemorou a prisão do ex-presidente da República Michel Temer.

Último acesso: 08 Aug 2020 - 00:24:18 (316582).