Revista CARAS
Facebook Revista CARASTwitter Revista CARASInstagram Revista CARASYoutube Revista CARASTiktok Revista CARASSpotify Revista CARAS

Justin Bieber é acusado de crueldade animal após ter doado seu hamster para fã

Associação de Hamsters da Califórnia acusa Justin Bieber de crueldade animal porque, ao doar seu pet para uma fã histérica, o cantor colocou a vida do seu bichinho em risco

Redação Publicado em 20/12/2012, às 19h41 - Atualizado em 10/05/2019, às 11h20

Justin Bieber - Reprodução/Instagram
Justin Bieber - Reprodução/Instagram

Quando Justin Bieber (18) não se mete em encrenca, as pessoas dão um jeito de colocá-lo em uma situação difícil. Desta vez, o problema envolve o cantor e seu antigo animal de estimação, o hamster Pac, que foi adotado em outubro e dado a uma fã no início desta semana.

Segundo o TMZ, o representante da Associação de Hamsters da Califórnia afirma que Justin cometeu um ato de ‘crueldade contra animais’ quando deu o bichinho de presente, mesmo tendo a melhor das intenções. A AHC diz que hamsters são criaturas frágeis que ‘muitas vezes sucumbem rapidamente a doença e morte’, especialmente quando confrontados com a ‘mudança súbita de ambiente’.

Ou seja, “no momento em que o hamster foi entregue para uma menina gritando freneticamente e em um ambiente áspero, foi, provavelmente, o momento em que o animal viu o caminho curto de sua condenação”, disse o representante.

Então, o que Justin deveria ter feito? A associação diz que, se o cantor não quisesse mais o animal de estimação, ele poderia tê-lo deixado sob os cuidados de um abrigo de animais ou centro de resgate para que o hamster pudesse ser entregue a um proprietário novo e responsável de maneira mais segura.

Enquanto isso, Pac continua vivo sob os cuidados de Tori, fã de Bieber que prometeu cuidar do bichinho como ‘um pequeno deus roedor’.

Até o momento, o artista não se pronunciou sobre o assunto.