Paulo Coelho e Christina Oiticica se casam após 34 anos de união

Após 34 anos juntos, escritor e artista plástica assinam certidão de união civil em Genebra, na Suíça

CARAS Publicado quarta 27 novembro, 2013

Após 34 anos juntos, escritor e artista plástica assinam certidão de união civil em Genebra, na Suíça
Paulo Coelho e Chris Oiticica - Marcelo Mendonça

O casal Paulo Coelho (66) e Christina Oiticica, que no sábado, 23, completou 62 anos de idade, passeava pela cidade de Interlaken, na região dos Alpes suíços, quando avistou um grupo de pessoas saltando de parapente. Como nunca havia pulado, o escritor, afeito a se arriscar em novas experiências, convidou a mulher a embarcar na aventura com ele. “Eu? Ah, não. Já pensou? Vou morrer uma mulher solteira!”, retrucou a artista plástica. A resposta dela pegou Paulo de surpresa. “Então vamos casar?”, perguntou, imediatamente, ele. Dois meses depois, oficializaram a relação de quase 34 anos na antiga prefeitura de Eaux-Vives, em Genebra, onde moram. “Agora não tem mais jeito, vou ter que saltar de parapente!”, brincou Christina, após assinar a certidão diante do padrinho Shelby Robert Du Pasquier. Mesmo em um momento tão íntimo, o escritor não escapou ao peso da sua fama mundial. Fã do noivo, um sucesso absoluto no mercado literário, com mais de 173 milhões de exemplares de livros vendidos em 160 países, a encarregada do registro civil Laure Da Broi apresentou um exemplar do livro O Zahir para Paulo autografar antes de ele deixar o local com a mulher. Assim como a união, em que não ocorreu troca de alianças — usam como símbolo da parceria a tatuagem de uma pequena borboleta azul que ambos têm no antebraço esquerdo —, a comemoração foi bem discreta e surpreendente para o casal. Eles saíram para comer um cheeseburger em uma grande rede de fast food. “Nunca costumamos  fazer isso, mas estávamos com fome.Foi realmente inusitado”, contou o ilustre recém-casado.

+ Galeria reúne 40 casais que estão há muito tempo juntos. Veja o antes e depois!

Paulo e Christina começaram seu relacionamento no Natal de 1979. Depois de irem ao cinema juntos, nunca mais se separaram. Em julho do ano seguinte, fizeram uma celebração religiosa luterana e não falaram sobre a união no civil. Apesar de amigos dizerem que toda mulher quer casar, o escritor não acreditava, pois Christina não aparentava ligar para ‘papel passado’. Além disso, com três casamentos anteriores, ele passou a acreditar que, no momento em que oficializasse, ‘as coisas iriam por água abaixo’. “Mas depois de quase 34 anos, não dava mais para manter essa superstição. Efetivamente, nos consideramos casados desde 1980 e eu celebro todos os dias da minha vida a união com Christina. O mais importante é essa  relação de carinho, amizade, cumplicidadee amor que nós temos”, disse ele. “Claro que eu amei minhas outras três mulheres, mas a Christina é aquela que, quando vi, sabia que algo havia mudado. Ela foi responsável pelas minhas boas e grandes transformações na vida”, declarou-se Paulo.

A rotina do casal na Suíça se mantém igual. “Estou fazendo o que costumo fazer todos os dias, caminhar com minha nova esposa nas florestas dos Alpes”, contou o escritor. Já a artista plástica segue envolvida em seus trabalhos. Atualmente, pinta uma tela de mais de sete metros para enterrar no jardim de uma casa em Genebra, onde depois ficará exposta. Christina também tem uma grife, a Cristina & Coelho — o último sobrenome é da sua sócia, Patricia Coelho, não de Paulo —, cujos produtos, reproduções dos seus quadros, coleção de roupas femininas com estamparias das obras, camisetas com o símbolo do guerreiro da  luz e objetos de casa, estão à venda online na loja Etsy (www.etsy.com/shop/OiticicaAndCoelho). Ela só se espanta quando pensa no tempo. “Que loucura essa de oficializar aos 62 anos! Paulo já teve outros casamentos, mas esse é meu primeiro!”, destacou, aproveitando para enaltecer o marido. “Tenho enorme admiração por ele, sua coragem, determinação, inteligência e coerência. E, assim como eu, é bastante romântico. Mesmo nos momentos em que estamos longe, em países diferentes, nos falamos sempre pelo telefone. É um grande companheiro”, afirmou.

Último acesso: 14 Jul 2020 - 00:23:31 (240877).