Revista CARAS
Facebook Revista CARASTwitter Revista CARASInstagram Revista CARASYoutube Revista CARASTiktok Revista CARASSpotify Revista CARAS

A alegria de Ana Botafogo no enlace de Patricia Almeida

Herdeira de Edson Pinto, par da bailarina, se une ao empresário Roberto Junior em chique noite

CARAS Digital Publicado em 31/01/2015, às 09h27 - Atualizado em 10/05/2019, às 11h20

Casamento Patrícia Almeida - SAMUEL CHAVES/S4 PHOTOPRESS
Casamento Patrícia Almeida - SAMUEL CHAVES/S4 PHOTOPRESS

A história do casal formado pela advogada Patricia Almeida Pinto (27) e pelo empresário Roberto Junior (29) começou ainda quando eram adolescentes, quase dez anos atrás, época em que se conheceram. Desde então, pouco a pouco, a cada momento que passaram juntos, eles foram percebendo que o destino de um estava ligado ao do outro. Assim, como prova máxima da paixão que sentem, subiram ao altar e, em tradicional cerimônia católica, se casaram, sob as bênçãos da bailarina Ana Botafogo (57) e de seu amado, o advogado Edson Pinto (57), pai da noiva. “Ao longo da nossa história, chegamos a ficar quase um ano separados. Considero que foi ali que percebemos que um não viveria sem o outro”, revelou o noivo, na igreja São José, em São Paulo. “Hoje é uma data muito especial para nós. Nosso relacionamento vem de alguns anos e nos preparamos para isso. É uma noite inesquecível”, disse Patricia, em belíssimo vestido de renda by Lucas Anderi (35), segurando um buquê semicascata com um mix de orquídeas denphal e phalaenopsis brancas, antes de adentrar a nave ao som da marcha nupcial de Mendelssohn (1809–1847). Próxima ao altar, a bailarina não escondeu a emoção ao ver seu eleito acompanhar a filha. “Os dois entraram lindamente e era possível ver no olhar a felicidade de cada um”, falou ela, em elegante look verde da grife carioca Twiggy, acompanhada dos pais, Maria Dulce Botafogo (84) e Ernani Ernesto Fonseca (89). “Estou realizado. Há um ano e meio, meu genro falou comigo e disse que queria casar. Desde lá, eles seguem todo o ritual, algo que é muito bonito. Tenho orgulho de ter filhos maravilhosos e a alegria deles também é a minha”, comentou Edson, citando seus dois outros herdeiros, Conrado Pinto (30) e Mauricio Pinto (5), responsável por entrar na igreja com as alianças.

Depois do rito religioso, os noivos e cerca de 300 convidados seguiram para requintada festa no espaço Leopolldo, finamente decorado. Ao chegar, o tradicional corte de bolo foi envolto em um clima de descontração e felicidade. Cúmplices, os noivos não escondiam a felicidade de ter os familiares e amigos por perto, celebrando este momento único. “Cada pessoa aqui contribuiu com a nossa história e, por isso, era tão importante reunir todos”, disse a noiva. Katy Cristine, a elegante mãe de Patricia, brindou ao encontro dos dois que, a seu ver, é para sempre. “Estas histórias nos inspiram. Um está muito bem acompanhado do outro e certamente será assim por muitos e muitos anos”, torce a zelosa mãe. Na hora dos cumprimentos dos convidados, Ana deu um tenro e afetuoso abraço em ambos, especialmente em Patricia, mostrando que sua sintonia com a herdeira de seu amor é total. “Não considero a Patricia uma enteada. Nossa relação é de amizade. Ela é uma amiga mais nova”, comentou a eterna primeira bailarina do Theatro Municipal do Rio de Janeiro. Patricia concordou sobre a relação harmoniosa entre as duas. “Ela faz o meu pai feliz, o que faz com que ela também me faça feliz. A considero uma pessoa muito querida”, disse a noiva. Edson, é claro, era só felicidade com a troca de gentilezas entre  as duas. “Para mim, é muito importante este clima. A boa convivência entre todos é algo que me deixa muito feliz”, disse ele. Depois, a pista foi o espaço favorito de todos. O som ficou por conta do Crossover Live, formado pelo DJ Julio Torres (36) e pelo violinista Amón Lima (37), este da Família Lima. “Preparar cada detalhe é trabalhoso, mas valeu a pena. O meu sonho virou realidade”, comentou Patricia, antes de puxar seu pai para dançar. “Fico feliz, pois Patricia e Roberto realmente se completam e se entendem”, disse ele.

A música, aliás, reuniu dois dos maiores nomes da dança no Brasil: Ana Botafogo e Carlinhos de Jesus (62). Ele, que é próximo da família, fez questão de prestigiar o enlace e, claro, não perdeu a chance de ensaiar alguns passos ao lado da amiga. “Casamento sempre me emociona. É uma atmosfera de alegria e boas energias que faz qualquer um se sentir bem”, disse o coreógrafo. Vivendo uma linda história de amor há 33 anos com Rachel de Jesus (62), o artista opinou sobre o que considera essencial para que uma vida a dois dê certo. “É necessário ceder de ambas as partes, procurar surpreender sempre e divisão. Divisão de erros e acertos, aplausos e vaias. Toda relação precisa de cumplicidade”, contou Carlinhos, ao lado de sua parceira de vida. O clima de romantismo tomou conta de todos, mas ainda não fez com que Edson e Ana resolvessem dar mais um passo na feliz história dos dois, que já dura mais de três anos. “Não pensamos nisso. Namorar é muito bom. Vamos namorar eternamente”, disse ela. “Vamos deixar o casal que se formou hoje fazer planos”, comentou Edson. Porém, no que depender dos noivos, o futuro próximo será para um curtir o outro. “Nossa lua de mel será em Bora Bora, ficaremos por lá 20 dias. Desejamos ter filhos, mas daqui a um tempo, creio que uns dois anos”, disse Patricia. “Que remos aproveitar o máximo essa nova etapa de nossas vidas”, finalizou o noivo, apaixonado.