Revista CARAS
Facebook Revista CARASTwitter Revista CARASInstagram Revista CARASYoutube Revista CARASTiktok Revista CARASSpotify Revista CARAS

Amigos de infância, Zé Neto e Cristiano festejam sucesso: "Caboclos realizados"

Os cantores relembram o início da carreira quando tocavam em barzinhos praticamente vazios

CARAS Digital Publicado em 06/06/2016, às 15h34

Zé Neto e Cristiano - Instagram/Reprodução
Zé Neto e Cristiano - Instagram/Reprodução

Amigos desde criancinha, Zé Neto e Cristiano estão vivendo juntos o sonho de embalar multidões com sua música Brasil afora. Há cinco anos eles decidiram formar uma dupla sertaneja, mas há oito meses o negócio realmente deslanchou. "Nossa vida mudou totalmente", conta Zé Neto.

Parte do sucesso se deve à música Seu Polícia, cujo clipe soma quase 62 milhões de visualizações no YouTube. "Não esperava que ela teria todo esse resultado", confessa Cristiano.

Veja o vídeo aqui

Em bate-papo com CARAS Digital, os dois relembram o início da carreira, contam como é a convivência e brincam: "Só não dividimos as mulheres".

Veja a entrevista:

- Qual avaliação vocês fazem desse momento da carreira?
Zé Neto: A gente só tem a agradecer a Deus porque de uns meses para cá nossa vida mudou totalmente. A gente tocava em barzinhos para 15 pessoas, duas pessoas, às vezes para ninguém. Hoje estamos em grandes palcos para 30 mil, 40 mil pessoas. Estamos muito felizes, realizados, só temos a agradecer ao público por ter abraçado nosso projeto dessa maneira bacana. Acho que quando você põe uma meta na sua vida e Deus na frente, é muito mais provável as coisas acontecerem. Somos dois caboclos realizados.

- De 15 pessoas para 30 mil é um salto bem grande, hein? Como estão lidando com o assédio?
Cristiano: É o barato de tudo, a melhor parte da nossa carreira é o assédio. Eu sou um cara muito caseiro, então não sinto falta de quando saía, porque eu não saía muito. Mas quando a gente vai no shopping ou na balada e as pessoas vêm tirar foto é fantástico, saber que seu trabalho está dando certo.

- Quero dizer o assédio da mulherada...
Cristiano: Ah...a gente é feio demais (risos).

- Vocês são amigos de infância, mas agora na estrada direto... como é a convivência?
Zé Neto: A parceria deu muito certo porque nós dividimos tudo, só não dividimos as mulheres (risos). Mas dividimos as responsabilidades, as tristezas, as alegrias... Conheço o Cristiano muito antes de dupla, é uma parceria que deu certo.
Cristiano: Acho que dupla é isso, você ter todas as conquistas junto, mas também é saber que um está no lado do outro pra ajudar nas horas difíceis, nas horas sofridas, para enxugar a lágrima do outro. Lógico que cada um tem seu gosto preferido, mas um respeita o espaço do outro.

- O que vocês ainda sonham?
Zé Neto: Nos consolidar. Ser artista de carreira como tantos outros: Chitãozinho e Xororó, Bruno e Marrone... Hoje nós não somos sucesso, nós estamos no sucesso. Nosso sonho é ser sucesso realmente.