Música Apaixonante!

Taylor Swift celebra amor, aventuras românticas e explora auto-conhecimento em 'Lover'

sexta 23 agosto, 2019
Taylor Swift explora novo romance e celebração do amor em novo álbum
Taylor Swift explora novo romance e celebração do amor em novo álbum Foto/Destaque 'Lover' Photoshoot


Sétimo álbum de Taylor Swift traz ela de volta ao country, explica término e como se apaixonar novamente!

Na madrugada desta sexta-feira, 23, fomos presenteados com o novo álbum de Taylor Swift, Lover. Dessa vez, a norte-americana deixou o lado obscuro de reputation e se reinventou mostrando o seu lado romântico ardente, sua sede por igualdade e surpreendentemente, sua verdadeira essência, presente em álbuns antigos.

Lover é mágico, fortalecedor e concebido para ser vários recomeços em um só disco. De longe, será um dos álbuns mais marcantes de Swift. É uma volta ao pop-country com referências do RED (2012), seu quarto álbum, e a sonoridade do clássico 1989 (2015), seu quinto projeto.

Não sendo diferente das 4 versões do álbum, as letras descrevem um amor louco e intenso, é como se estivéssemos ouvindo os sentimentos de Taylor, um diário com fortes revelações e segredos e Cruel Summer é o resultado disso.

Apesar da ternura e delicadeza ao falar sobre os seus sentimentos em pouco mais de uma hora e 18 músicas, o novo projeto mostra a cantora 29 anos na sua melhor sua forma. Ela provou que ninguém é capaz de derruba-la e se conseguir, ela é forte o suficiente para se reerguer. Em partes específicas, ela mira nos haters, ex-namorados, em Donald Trump e em Kanye West.

Buscando a ‘old Taylor’ de volta, ela deixou tudo o que conhecemos do ‘reputation’ e deixou ciente que a primeira parte do álbum é ela passando por um luto e a perda da sua reputação, e todas as fases que ela enfrentou. "I Forgot That You Existed” é nada menos que um conflito e a forma de não precisar mais lidar com isso. “Eu teria estado lá na primeira fila, mesmo que ninguém viesse para o seu show”.

1. "I Forgot That You Existed": Primeira faixa do disco, Swift aborda sobre uma traição, um amor passado que a fez mal. Taylor resolveu abordar tudo de forma sincera e menos suja como no seu antigo projeto. "Quantos dias eu gastei pensando em como você me fez mal, mal, mal?" Ela diz: "Viveu na indireta que você estava jogando, até que todo o meu sol foi embora, foi embora".

Até então ela canta sobre algo que aconteceu e ela esqueceu que essa pessoa existia. "Eu esqueci que você existia", diz a letra. "Não é amor, não é ódio, é apenas indiferença".

2. "Cruel Summer": Essa música vai fazer você querer se levantar e cantar o mais alto que você conseguir. O hit é a segunda mais comentada entre os fãs, além de ser uma continuação do sucesso ‘Getaway Car’, a música traz uma grande mensagem sobre uma separação e a chegada de um grande amor nesse tempo.

É sobre se sentir atraído por alguém novo e como esse amor pode afetar sua vida. "E é novo, a forma do seu corpo, é triste meu sentimento", diz Swift. "É um verão cruel, é legal, é o que eu digo a eles, sem regras, paraíso indestrutível, é um verão cruel, com você".

Ser uma estrela de Hollywood nem sempre é uma tarefa fácil, e Swift é a prova disso. Inúmeras vezes ela reflete isso nas suas músicas, mas agora ela mostrou “um lado bom” nisso, revivendo uma foto ao lado do amado, Joe Alwyn.

Explicando melhor a história, Taylor teria se separado do ex Tom Hiddleston, em 2016, para ficar com Joe, seu atual namorado. Swift e Hiddleston engataram um romance em junho de 2016, após conhêce-lo no MET GALA, em maio, e por coincidência, evento no qual ela também conheceu Alwn.

A canção traz o sentimento da cantora querendo que uma relação dê certo, por ela estar cansada, mas percebendo que tem sentimentos por outra pessoa. "Estou bêbada no banco de trás do carro e chorei como um bebê voltando para casa do bar", admite Taylor. "Eu disse que estou bem, mas não era verdade, eu não quero manter segredos apenas para mantê-lo".

3. "Lover": Sem dúvidas uma das minhas favoritas no álbum. Taylor lançou sua terceira faixa uma semana antes do lançamento do álbum, fazendo com que os fãs se apaixonassem por uma melodia romântica que é presente no disco inteiro. "Posso ir aonde você vai?" Swift pergunta na música. "Podemos sempre estar tão perto?"

Esta música parece ser uma carta de amor sobre seu relacionamento com Alwyn, que ela amava por "três verões". "Meu coração foi emprestado e o seu foi triste", Swift canta. "Tudo está bem quando acaba bem, para terminar com você."

Dessa vem, sem muito mistério, Taylor quer que os fãs prestem atenção na sua nova composição e pede para as pessoas se levantarem: "senhoras e senhores, por favor, fiquem de pé? para que ela faça um grande anúncio.”, em seguida, Swift se declara para o amado. “Meu coração estava emprestado e o seu estava triste, tudo está bem quando termina bem se o final for com você. Juro ser excessivamente dramática e honesta com o meu amado”.

Em tradução livre, ela diz que escolhe esse homem para ser seu parceiro. Apesar de não aparentar ser algo grande, borrowed blue, entrega sinais de que Taylor quer se casar com o seu namorado britânico, Joe Alwyn.

4. "The Man": Na quarta faixa ela se pergunta como seria a vida se fosse um homem. "Eu seria um líder destemido, eu seria um tipo alfa, quando todo mundo acredita em você. Como é isso?", pergunta a cantora irritada com o machismo presente na industria musical. "Eu estou tão cansada de correr o mais rápido que posso, me perguntando se eu chegaria lá mais rápido se eu fosse um homem e eu estou tão cansada deles vindo até mim de novo, porque se eu fosse um homem, então eu seria o homem".

Mais tarde, a estrela menciona Leonardo DiCaprio, cantando: "E eles brindariam a mim ou deixariam os jogadores jogarem/ Eu seria como Leo em Saint Tropez".

6. "I Think He Knows": Nesta faixa, Taylor canta sobre um relacionamento em que seus sentimentos são bastante óbvios. "Ele tem aquele visual de menino que eu gosto em um homem. Eu sou um arquiteto, estou elaborando os planos", ela canta explicando sobre o amor que sente por Joe. "É como se eu tivesse 17 anos, ninguém entende."

9. "Cornelia Street": Uma das faixas mais esperadas pelos fãs. Swift faz referência à Cornelia Street, que é um local na cidade de Nova York onde a superstar alugou um apartamento. A faixa parece citar os primeiros dias de seu relacionamento com Alwyn. "Nós éramos uma nova página sobre a mesa/ Preenchendo os espaços em branco a medida que seguimos", Swift canta. "Como se as luzes da rua apontassem em uma ponta de flecha, levando-nos para casa."

Swift e Alwyn, que foram vistos em NYC em várias ocasiões, estão juntos há cerca de três anos. Inclusive uma das gatas da cantora, Meredith Grey, foi vista na janela, onde foi levantado rumores de que os pombinhos estariam morando juntos.

"Espero nunca perder você, espero que nunca acabe/ Nunca mais andaria pela Cornelia Street", Swift canta. "Esse é o tipo de desgosto que o tempo nunca poderia consertar, eu nunca mais andaria Cornelia Street e amor, eu fico perplexa com a forma como esta cidade grita seu nome".

11. "London Boy": Esta música é uma clara dedicação a Alwyn, referenciando suas covinhas e seu sotaque e uma continuação de I Think He Knows. Nas letras, ela fala sobre conhecer os amigos de seu namorado e passar um tempo em sua cidade natal. "Você sabe que eu amo um menino de Londres. Eu gosto de andar pela Camden Market à tarde", Swift canta. "Ele gosta do meu sorriso americano, como uma criança quando nossos olhos se encontram, querido, eu desejo você."

"Me levou de volta a Highgate, conheci todos os seus melhores amigos", continua a letra. "Então eu acho que todos os rumores são verdadeiros, você sabe que eu amo um garoto de Londres."

A música trouxe uma forte lembrança aos fãs por conta de um sucesso antigo da cantora, Enchanted, presente no álbum Speak Now (2010). Na canção, Taylor explica "estar encantada por conhecer aquela pessoa", assim como em London Boy.

12. "Soon You Get Better" (com Dixie Chicks): Em março, em seu artigo "30 coisas que aprendi antes de fazer 30 anos" para Elle, Taylor contou que ambos os pais tiveram câncer, acrescentando: "E minha mãe agora está lutando sua batalha novamente". Nessa faixa, a cantora se junta a Dixie Chicks, que ela idolatra desde jovem, para escrever sobre a batalha da saúde de sua mãe.

"Os botões do meu casaco estavam emaranhados no meu cabelo/ Na iluminação do consultório médico, eu não disse que estava com medo", Swift canta. "Essa foi a primeira vez que estivemos lá, garrafas laranjas sagradas, cada noite, eu rezo por você. Pessoas desesperadas encontram fé, então agora eu oro a Jesus também".

14. "You Need to Calm Down": A cantora que vem abordando assuntos sobre política nas redes sociais, mostrou sua visão de justiça, assim como a faixa "Miss Americana & The Heartbreak Prince""Você é alguém que não conhecemos mas está perseguindo meus amigos como um míssil, por que você está bravo? Quando poderia estar feliz", diz Talor, usando a sigla GLAAD em homenagem a uma organização norte-americana que luta pela causa LGBTQ+. 

Swift fez uma referência de apoio à parada do orgulho LGBTQ+ e aos grupos que normalmente organizam protestos durante o evento no terceiro verso. "Luz do Sol na rua durante a parada mas você prefere ficar na Idade das Trevas, fazendo esse cartaz, feve ter demorado a noite toda", afronta.

15. "Afterglow": Minha favorita, de longe, do álbum. Nesta canção, Taylor parece se desculpar depois de uma discussão, trazendo algo presente em um relacionamento. Ela está admitindo que é culpa dela, esperando que ela não tenha perdido esse amor para sempre e que irá lutar sempre pela pessoa amada. "Lutar com um amor verdadeiro é o boxe sem luvas, química até que exploda, até que não haja nenhuma", ela canta. "Por que eu tenho que destruir o que eu amo tanto? Está na sua cara, e eu sou a culpada, eu preciso dizer."

"Ei, está em mim, na minha cabeça, eu sou a única que nos queimou; mas não é o que eu quis dizer, desculpe por ter te machucado," a letra diz. "Eu não quero fazer, eu não quero fazer isso com você. Eu não quero perder, eu não quero perder isso com você. Eu preciso dizer, hey, deixa comigo, só não vá embora. Me abandone no crepúsculo".

18. "Daylight": Última faixa do álbum, fazendo que ele acabe com chave de ouro. Na canção, Taylor Swift fala sobre ter uma nova visão da vida e do amor. "Uma vez eu acreditava que o amor estaria queimando em vermelho/ Mas ele é dourado", canta, fazendo referência ao seu quarto álbum, Red. "Como a luz do dia, como a luz do dia."

Swift escreveu no encarte do seu álbum  que ela talvez possa escrever um álbum inteiro sobre um amor que irá sentir, e que nunca sentiu mas que passará por ele. Levantando ainda mais os rumores sobre o possível noivado com o Joe. 

Confira o álbum completo clicando nesse link.

por André Luiz Freitas
Atualizado quarta 28 agosto, 2019 (326871)

Mais conteúdo sobre:

COMPRE E GANHE

ÚLTIMAS NOTÍCIAS

  1. 1 Modelo celebrou o retorno de Viny Vieira ao programa e Netto disparou alfinetas contra o confinado! A Fazenda: Lucas comemora saída de Netto
  2. 2 A Fazenda: Com pouquíssimos votos Netto é eliminado
  3. 3 Gabi Prado surge nua tomando banho ao lado do noivo
  4. 4 Sonia Abrão relembra foto com Gugu e torce pela vida dele
  5. 5 Angélica relembra clique muito antigo com Gugu Liberato
  6. 6 A Fazenda: Público especula manipulação no reality show
  7. 7 Gio Ewbank mostra foto rara da mãe e beleza chama atenção
  8. 8 Luciano Huck relembra foto com Gugu Liberato e mostra apoio
  9. 9 Presidente da Record TV solta comunicado sobre Gugu Liberato
  10. 10 Luciano Camargo relembra momento com Gugu Liberato