Revista CARAS
Facebook Revista CARASTwitter Revista CARASInstagram Revista CARASYoutube Revista CARASTiktok Revista CARASSpotify Revista CARAS

Sinead O'Connor tenta suicídio, avisa no Facebook e polícia intervem

Sinead O'Connor passou o final de semana escrevendo mensagens sobre uma briga familiar, chegou a pedir emprego e uma casa nova para morar

CARAS Digital Publicado em 30/11/2015, às 09h05 - Atualizado em 10/05/2019, às 11h20

Sinead O'Connor - Getty Images
Sinead O'Connor - Getty Images

A cantora irlandesa Sinead O'Connor, que fez sucesso nos anos 90 com a música Nothing Compares 2U, deixou os fãs preocupados neste final de semana. Desde sexta-feira, 27, ela começou a publicar mensagens relatando como estava depressiva e desmotivada por conta de problemas familiares - de acordo com um dos posts, os pais de seus quatro filhos e seu filho mais velho, que tem 28 anos, entraram com um pedido na justiça para que ela não pudesse mais ver os filhos. 

"Eu preciso de uma nova casa e um novo trabalho. Uma nova vida. A música acabou pra mim. A música fez isso. Me transformou em invisível, assassinou minha alma. Eu nunca vou voltar a fazer música", disse, em um dos posts. Sinead até chegou a divulgar um endereço de email para quem tivesse um lugar para ela morar poder entrar em contato. "Eu perdi tudo. Meu trabalho, minha casa, meus filhos, meu útero, minhas sábias crianças, minha identidade. Eu não posso jantar no Natal com essas pessoas de novo", falou. 

Foi então que Sinead anunciou que tinha tentado se matar. "Eu tomei uma overdose. Não existe outro jeito de conseguir respeito. Eu não estou em casa. Estou em um hotel em algum lugar de Dublin", disse. "Eu já morri milhões de vezes. Mas a minha família não me valoriza. Eles não vão saber que eu morri por semanas, mas estou os informando agora", completou. 

Segundo o TMZ, a polícia irlandesa conseguiu encontrar Sinead e evitar que o pior acontecesse. Ela foi levada para um hospital psiquiátrico. 

Sinead está casada, pelo menos no papel, com o terapeuta Barry Herridge. Em entrevista, ela já teria dito que estava em um relacionamento abusivo, que contribuiu para sua depressão.