Revista CARAS
Facebook Revista CARASTwitter Revista CARASInstagram Revista CARASYoutube Revista CARASTiktok Revista CARASSpotify Revista CARAS

Sinead O'Connor tranquiliza fãs após boato de novo desaparecimento: "É besteira que tenha pulado da ponte"

A cantora de 49 anos, que luta há anos contra a depressão, foi vítima de um falso alarme nos EUA

CARAS Digital Publicado em 24/06/2016, às 10h29 - Atualizado às 10h48

Sinead O'Connor - Getty Images
Sinead O'Connor - Getty Images

Sinead O'Connor tranquilizou os fãs após boatos surgirem na imprensa norte-americana noticiando seu suposto novo desaparecimento nesta sexta-feira, 24.

A família da cantora de 49 anos teria notificado a polícia sobre seu novo desaparecimento poucos dias após ela ameaçar se jogar de uma ponte de Chicago. Segundo relatos da imprensa norte-americana, a cantora teria entrado em contato com a polícia de Dublin, na Irlanda, avisando que se jogaria de uma ponte de Chicago. Na sequência, as autoridades irlandesas comunicaram o ocorrido para a polícia dos EUA.

Poucas horas após o rumor vazar para a imprensa, Sinead veio a público e disse que estava tudo bem com ela. "Aliás, é besteira que eu tenha pulado de uma ponte. Alguma vadia da Swords Garda Station (estação de trem de Dublin) decidiu que gostaria de jogar um pouco de boato malicioso sobre mim. Isso é tudo. Estou muito feliz para isso", explicou para alívio dos fãs.

Em maio, Sinead já havia deixado a família preocupada após sumir e deixar um mensagem enigmática para o filho mais velho, Jake, de 28 anos. "Jake, por favor vá ao tribunal para assumir a custódia de seu irmão. Na verdade, é melhor você trazer um advogado de sua preferência. E não abandone o seu irmão ou qualquer outro dos meus bebês novamente. O que você tem feito para o seu irmão e sua mãe é literalmente criminal", disse na ocasião levantando rumores de um suicídio.