Revista CARAS
Facebook Revista CARASTwitter Revista CARASInstagram Revista CARASYoutube Revista CARASTiktok Revista CARASSpotify Revista CARAS

Reunião de talentos em um consagrado projeto

Sandra de Sá, Zeca Baleiro, Marjorie Estiano, Maria Gadú e artistas do rock embalam Natal

CARAS Publicado em 09/10/2013, às 17h40 - Atualizado em 10/05/2019, às 11h20

Sandra de Sá - Samuel Chaves / S4 Photopress
Sandra de Sá - Samuel Chaves / S4 Photopress

Com uma superprodução que une talento, performance e muita emoção, os músicos Zeca Baleiro (47), Maria Gadú (26) e o quinteto formado por Leoni (52), Dado Villa-Lobos (48), Toni Platão (50), João Barone (51) e Liminha (62) agitaram a cidade de Natal, no Rio Grande do Norte, durante o final de semana de estreia do Banco do Brasil Covers. Sucesso de público desde o seu lançamento, em 2011, o projeto, agora com novo nome, proporciona encontros singulares de grandes nomes da música brasileira interpretando o repertório dos ídolos que tanto influenciaram a sua trajetória. “Que felicidade poder participar de tudo isso. Acho que hoje realizei um sonho e pude mensurar de verdade o tamanho desse privilégio que é poder cantar”, diz Marjorie Estiano (31), ao lado da rainha do soul music Sandra de Sá (58).

O primeiro a subir ao palco foi Zeca Baleiro. Sua apresentação intimista conquistou o público que acompanhou cada melodia das canções de Zé Ramalho (64). “Ele é um cara único e original na cena da música de todos os tempos. Nunca vou esquecer a primeira vez que o ouvi cantar, foi impactante. A música tem dessas coisas”, relembra ele, que recebeu os cumprimentos de Sérgio Luiz Cordeiro (49), superintendente do Banco do Brasil no estado do Rio Grande do Norte, e de sua mulher, Suâme Brandão Malta (45). 

No dia seguinte, foi a vez de Gadú emocionar a todos com a sua homenagem tão sensível a Cazuza (1958-1990). Descalça e bem à vontade, ela transformou o teatro em uma só voz ao entoar sucessos como Mais Feliz e O Tempo Não Para. “É difícil explicar o quanto esse show significa para mim. Cantar Cazuza é um prazer imenso e espero do fundo do coração que ele esteja orgulhoso do que fizemos”, confessa ela a Monique Gardenberg (55), da Dueto Produções, responsável por toda a idealização e direção das apresentações. 

E para fechar o final de semana, Leoni, Dado Villa-Lobos, Toni Platão, João Barone, do Paralamas do Sucesso, e o diretor musical Liminha homenagearam os Beatles. “Sabíamos que havíamos montado um show forte. Foi um longo trabalho de seleção de repertório e tudo foi criado com muito carinho. É uma turma bem experiente e acho que na hora tudo rolou da melhor maneira possível”, garante Toni, que ganhou o carinho da mulher Deborah Colker (51). “Nos divertimos muito. Estamos satisfeitos”, completa João, citando também Marjorie, Sandra de Sá, Paulo Miklos (54), dos Titãs, e André Frateschi (37), que tiveram participações especiais no show, aplaudido de pé pelo empresário Thiago Noronha (29) e sua Camila (36).